VER-O-FATO: O patrimônio histórico do Pará: abandono, destruição e roubo. De quem é a culpa? Esta noite, ao vivo, com Sebastião Godinho, no "Linha de Tiro"

quinta-feira, 28 de março de 2019

O patrimônio histórico do Pará: abandono, destruição e roubo. De quem é a culpa? Esta noite, ao vivo, com Sebastião Godinho, no "Linha de Tiro"

O escritor Sebastião Godinho
ATUALIZADO AS 19:30h - Por motivos de saúde, o nosso convidado Sebastião Godinho não poderá estar presente no programa de hoje.
A pauta do dia será, então, Lei Kandir e a atuação da bancada paraense em Brasília.

O entrevistado de hoje no "Programa Linha-de-Tiro" é membro da Comissão de Defesa do Patrimônio Histórico de Belém no Instituto Histórico e Geográfico do Pará - IHGP-, Sebastião Godinho, e da APL. Ele tem publicado vários artigos na imprensa. Detém um acervo fotográfico, de pinturas e quadros em nanquim de ruas e prédios históricos da outrora mais linda cidade da Amazônia, além da sua obra literária, na qual aborda esses aspectos e seu valor histórico cultural.



Godinho dedicou-se nos últimos anos a um projeto de fôlego e inédito: o levantamento das obras de arte furtadas nos últimos quinze anos da cidade. E a avaliação delas.

O Programa Linha-de-Tiro é mediado pelo jornalista Carlos Mendes e terá a participação do jornalista Val-André Mutran, diretamente de Brasília. Começa às 20h00. Além da dupla de jornalistas, participará da entrevista o professor e historiador da UFPA, Elson Monteiro. 

Eis os links para assistir, participar com perguntas e interagir com o programa:

https://www.youtube.com/channel/UC-54N_aJhLmeQq2vtalmi2Q

https://www.facebook.com/verofatonoticias/

www.ver-o-fato.com.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário