VER-O-FATO: Alepa presta homenagem às mulheres e destaca participação crescente da bancada feminina

Reservas de ingressos

Reservas de ingressos
Clique na imagem, preencha o formulário e garanta seu ingresso

sábado, 30 de março de 2019

Alepa presta homenagem às mulheres e destaca participação crescente da bancada feminina

As homenageadas, ao lado do presidente,  Daniel Santos, durante a solenidade na Alepa


A Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) prestou homenagens à 20 mulheres com a outorga da “Medalha Isa Cunha”, em Sessão Solene, nesta sexta – feira (29), alusiva ao Dia Internacional da Mulher - 8 de Março. O evento aconteceu no Plenário Newton Miranda e tem como proposição a Resolução de nº 22, instituída no dia 11 de agosto de 1983. A entrega da Medalha Isa Cunha é uma homenagem à historiadora, fundadora da Sociedade Paraense dos Direitos Humanos e do Movimento das Mulheres do Campo e da Cidade.

Pela primeira vez na história do Legislativo Paraense, a sessão em homenagem à mulher teve a presença significativa de dez parlamentares mulheres. O resultado das últimas eleições de 2018 elegeu 8 novas deputadas e duas foram reeleitas para a 19ª Legislatura (2019/2023). Até o ano passado eram apenas três deputadas.

Juntas, elas representam 25% do Parlamento Paraense, número significativo, e que representa vantagem importante no processo de votação e aprovação de projetos relacionados às pautas femininas. 

O presidente do Poder Legislativo, deputado Dr Daniel Santos, conduziu os trabalhos e destacou a importância da homenagem. “Essa homenagem é uma forma de a Assembleia Legislativa reconhecer as mulheres que têm prestado serviços à nossa sociedade. Pela primeira vez na história da Alepa, nós temos dez deputadas e tenho certeza de que para a sociedade paraense é um grande avanço e uma forma de aprimorar as políticas públicas que possam beneficiar a população feminina”, evidenciou.

A pedido do chefe do Legislativo, as deputadas Cilene Couto, Diana Belo, Renilce Nicodemos e Paula Gomes compuseram a mesa oficial. 

Convidada pelo titular da Casa de Leis para presidir a Sessão Solene, a deputada Cilene Couto destacou a importância da homenagem em um momento em que o Parlamento conta com dez deputadas, fato histórico na Alepa. “É uma honra prestar essa homenagem às mulheres que são reflexões de suas lutas e quebram paradigmas na sociedade. No meu primeiro mandato, éramos apenas duas mulheres, e hoje somos dez! Espero que esse número possa aumentar cada vez mais”, ressaltou.

Como representante da bancada feminina no Parlamento Paraense, a deputada Renilce Nicodemos foi convidada a fazer o pronunciamento. A parlamentar ressaltou a presença expressiva da mulher na atual legislatura e pediu mais atenção contra o feminicídio.

“ Hoje é um dia especial, porque somos dez mulheres e estamos unidas para representar as mulheres do nosso Pará. Todas as mulheres homenageadas merecem nosso reconhecimento, porque foram criadas por Deus para gerar vida e ser amadas. Quero pedir a união de todas as mulheres para quebrarmos essa onda de violência. Não nascemos para ser agredidas, merecemos respeito e carinho", disse Renilce. 

A deputada Paula Gomes também destacou a representação da mulher na política.“Esse momento é de muita emoção por estar aqui e prestar homenagens à outras mulheres. Faço parte de uma bancada feminina que representa 25% das mulheres, e é motivo de muita alegria ocupar esses espaços e representar as mulheres do Pará”, destacou. 

Vinte mulheres foram condecoradas com a medalha Isa Cunha em reconhecimento aos trabalhos dedicados nas áreas sociais, política, educação, economia, saúde e eclesiástica. A indicação das homenageadas foi definida por meio de bancadas políticas. 

Em nome das homenageadas, usou a tribuna a prefeita de Primavera, Renata Sousa.“É uma honra fazer parte desse momento e, em especial, ser prefeita de uma cidade e poder representar todas as mulheres do município de Primavera. Essa homenagem representa a união de mulheres por uma causa justa que é a pauta feminina”, observou. 

Homenageadas - Entre as homenageadas, estava Maria Gonçalves Alcântara, presidente da Colônia de Pescadores de Gurupá. Ela foi indicada pelo líder do Partido da Mobilização Nacional (PMN), deputado Orlando Lobato.

“ Esse é um momento importante para a mulher, no qual estamos sendo reconhecidas pelas nossas lutas. Ter mais mulheres na política é um avanço, porque agora temos mais mulheres para lutar por nós”, pontuou.

Outra homenageada foi a enfermeira e diretora do Hospital Regional de Salinópolis, Ana Denise Monteiro. A indicação foi proposta pela bancada do Partido Social Democrático (PSD), pela deputada Paula Gomes.

“Esse momento é ímpar e representa a luta e o empoderamento da mulher moderna. E estou muito feliz em ver a representação da mulher na política, não só da nossa região, mas de todo o Pará”, comemorou Ana Denise. 

Outras deputadas não puderam comparecer porque estavam cumprindo agenda de trabalhos externos em cidades do interior. 

Também participaram da sessão os deputados estaduais delegado Caveira, Dr Galileu, Thiago Araújo, Victor Dias, Orlando Lobato e Raimundo Santos. Texto: Mara Barcellos, da Assessoria de Imprensa e Divulgação da Alepa.



Nenhum comentário:

Postar um comentário