VER-O-FATO: Incompetência de Darci incomoda Helder; e Valmir, o escorraçado, bate tambor pra voltar

domingo, 10 de fevereiro de 2019

Incompetência de Darci incomoda Helder; e Valmir, o escorraçado, bate tambor pra voltar

Cheque federal à Pebas na campanha: hoje, queixas
É bom não convidar para a mesma churrascada – com celular ligado, então, nem pensar -, o governador Helder Barbalho e o prefeito de Parauapebas, Darci Lermem, ambos do MDB. Para Helder, é inexplicável que Parauapebas enfrente muitos problemas sociais, embora seja o segundo do Estado que mais arrecada recursos. Só perde para Belém.

Darci, por sua vez, se queixa que o dinheiro arrecadado não está dando para o gasto e quer ajuda de Helder. Por outro lado, o que o povo diz de Darci é impublicável. O governador, na conversa com jornalistas e blogueiros, na última quinta-feira, não conseguiu disfarçar a insatisfação com o aliado, a quem ajudou a eleger. 

Helder chegou a dizer que não admite que o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) de Parauapebas tenha estagnado, enquanto o de Chaves está crescendo. Isso é ainda mais grave quando os números mostram que Chaves possui um dos piores Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil. 

O governador só tem duas palavras para definir o governo de Darci na área social: falta de gestão. E há ainda, por detrás da cortina, o fato de Márcio Miranda ter vencido Helder na eleição do segundo turno para o governo no próprio quintal político onde Darci cantava de galo.

O Ver-o-Fato, que conhece muito bem a realidade de Parauapebas, tem outras duas palavras, mais duras, que não saíram da boca do governador: incompetência administrativa. 

Darci, caso não acorde da letargia, vai estender o tapete na porta da prefeitura para o retorno de Valmir Mariano, o “Valmir da Integral”. Que, aliás, já bate tambor preparando a volta.

Quer dizer: o escorraçado de ontem, pelo voto, pode se constituir amanhã no salvador da pátria.

Coisas da (má) política.


5 comentários:

  1. O governador está correto, ele mesmo pegou um Estado com rombo de 1,5 bilhão, mas não se intimidou está tocando obras inacabadas e fazendo outras como o BRT metropolitano, vai pagar o piso dos professores melhorar os salários dos PM's enfim está mostrando trabalho e esse prefeito mostra toda a sua incompetência deixando a segunda cidade mais rica do Pará nesse estado lastimável, perdendo até mesmo no IDEB, para cidades pobres do Pará.Não foi á toa que Hélder foi batido em Parauapebas pelo candidato poste do ex governador a população está revoltado com o atual prefeito.

    ResponderExcluir
  2. O Povo de Parauapebas agora vai sentir falta de um representante nato da região..

    ResponderExcluir
  3. Não foi esse prefeito Lermem preso junto com o Beto Jatene na operação Timóteo da PF?

    ResponderExcluir
  4. Carlos Mendes, ainda não inventaram adjetivo pra ilustrar o que Darci Lermem fez ao município do "Peba". MP's da vida, cadê vocês?

    ResponderExcluir