VER-O-FATO: Nota pública da Cainquiama aborda TAC sobre a Hydro e desautoriza manifestação em nome da entidade

segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Nota pública da Cainquiama aborda TAC sobre a Hydro e desautoriza manifestação em nome da entidade

O Ver-o-Fato recebeu, e divulga abaixo, a seguinte nota pública da Cainquiama,  que abriga mais de 70 movimentos sociais da região de Barcarena e Abaetetuba, a respeito de supostas manifestações organizadas sem discussão interna ou conhecimento da aludida entidade":
 
"O Colégio Diretor da Cainquiama torna público às comunidades, moradores e eventuais atingidos pelas atividades do Grupo Norsk Hydro, assim como às autoridades e à imprensa : que esta Associação não está fazendo qualquer convocação para manifestação contra a forma de escolha e execução dos beneficiados pelo TAC do Ministério Público.

A Associação Cainquiama não tem qualquer vinculação com esse instrumento legal do Ministério Público, não faz oposição ou adesão aos seus termos que são de total e inteira responsabilidade dos Promotores de Justiça e dos Procuradores da República. Por outro lado, a Cainquiama esclarece que é Autora de 4 (quatro) ações civis, sendo 3 coletivas e 1 ação civil pública, cujos objetos nada tem a ver com as matérias tratadas pelo Ministério Público no TAC.

Por mais que o Colégio Diretor da Cainquiama discorde da forma como certos aspectos do TAC esteja sendo conduzida, a Associação respeita o trabalho e considera que as intenções do Ministério Público objetivem a remediação de impactos.

Por fim, o Colégio Diretor informa que as posições pessoais da senhora Maria do Socorro Silva, conhecida como Socorro do Burajuba, que faz parte desse Colegiado, mas que já não participa de reuniões há 8 meses, com registro de ausência em 19 reuniões, não se confundem com as posições institucionais da Associação, que se pautam pelas diretrizes estabelecidas na Ata de Assembleia com base nos objetivos e fins estatutários.

***Esta Nota foi aprovada por unanimidade dos presentes em reunião do Colégio Diretor da Cainquiama ocorrida este final de semana, por Convocação Extraordinária."

Nenhum comentário:

Postar um comentário