VER-O-FATO: O Papão repetiu velhos erros em 2018 quando não podia mais errar. Agora, que pague seus pecados na Série C

sábado, 24 de novembro de 2018

O Papão repetiu velhos erros em 2018 quando não podia mais errar. Agora, que pague seus pecados na Série C

Errar  é humano, mas persistir no erro  é teimosa burrice. O Paysandu abusou, durante todo o campeonato, de cometer erros infantis. E no jogo de hoje, contra o Atlético (GO) corroou seu festival de erros, tomando uma goleada de 5 a 2. 

Até o Sobrenatural de Almeida, que em entrevista aqui no blogue avisou que quem cometesse erros pagaria por eles, desta vez não pôde ajudar quem recusou ser ajudado. 

No quinto gol do Atlético, para fechar o caixão, a torcida bicolor, que lotou a Curuzu, aplaudiu a goleada. Foi sábia e realista. Fez a parte dela, mas percebeu que esse time, um dos piores das últimas temporadas, não era digno o suficiente para se manter na Série B.

Nem precisou secar os adversários. O Paysandu derrotou a si mesmo. Ou melhor, goleou a si próprio. Está, agora, ao lado do maior rival. No inferno da Série C.

Onde se paga todos os pecados.

5 comentários:

  1. Eita vai ser muita peia do leao nessas mucuras! Este ano foram quateo,ano que vem pode chegar a oito peias!Kkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Kit desgraça 2018: uma bandeira do Márcio Miranda e uma camisa do Paysandu! Kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Os dois times principais do estado do Pará numa terceirinha. Uma pena! Mirem-se no exemplo do Nosso Fortaleza !

    ResponderExcluir
  4. O maior erro de vcs do Paysandu e da torcida é a mais alta soberba !!!

    ResponderExcluir