terça-feira, 16 de outubro de 2018

Senador eleito, Cid Gomes (PDT) chama petistas de "babacas", ataca Lula e joga pá de cal no caixão de Haddad




Um ato de apoio à campanha de Fernando Haddad (PT) no Ceará , no Marina Park, foi marcado pela discussão do senador eleito Cid Gomes (PDT) , irmão de Ciro Gomes (PDT), com militantes petistas. Escalado para ser o primeiro a discursar, Cid cobrou um pedido de desculpas do PT pelas "besteiras que fizeram" (Veja o vídeo, acima).

segunda-feira, 15 de outubro de 2018

Pesquisa do Ibope - votos válidos para presidente: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%

O Ibope divulgou nesta segunda-feira (15) o resultado da primeira pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição presidencial. O levantamento foi realizado na sábado (13) e domingo (14), e tem margem de erro de 2 pontos, para mais ou para menos. 

Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes: Bolsonaro, 59%; Haddad, 41%. Nos votos totais, Jair Bolsonaro, do PSL, tem 52%, e Haddad, 37%.Em branco/nulo 9%. Não sabe, 2%.

Deu no "Antagonista": No Pará, PT é família Barbalho

Paulo Rocha chamou os Barbalho de "golpistas". E agora?
O site O Antagonista publicou agora, no começo da noite, a informação que já é velha por aqui, aliás desde o final da última semana: "Helder Barbalho — filho do senador reeleito Jader Barbalho — comemora o apoio do PT no segundo turno da disputa pelo governo do Pará contra Márcio Miranda, do DEM".

Sudam, a morta-viva à espera do próximo presidente da República

Não adianta falar em valorização da Sudam, porque políticos a desvalorizaram
Quem passa pela frente do prédio da velha Sudam, na Antonio Baena com Almirante Barroso, não imagina o quanto aquele órgão já teve sua importância no debate das questões amazônicas.

domingo, 14 de outubro de 2018

Pesquisa da Doxa põe fogo em eleição no Pará: diferença de Helder para Miranda cai para 7,4 pontos

Sem fake news, mas com susto e desconfiança, de um lado, e sentimento de virada, no outro - faltando 14 dias para a eleição - , a Doxa, do cientista político Dornélio Silva, divulgou a primeira pesquisa do segundo turno na eleição para o governo do Pará. E também, no Estado, para presidente da República.

Cidades "classe C" mudam perfil político e se afastam da esquerda

Em quatro anos, o PT perdeu 10 milhões de votos nas cidades brasileiras onde a renda familiar média da população está entre R$ 2 mil e R$ 8,6 mil — a classe C, na classificação elaborada pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Esse grupo de 3.294 municípios brasileiros que não estão nem no topo nem na base da pirâmide social deu a Dilma Rousseff (PT), no primeiro turno de 2014, 27,3 milhões de votos, contra 26,1 milhões de Aécio Neves (PSDB).

sábado, 13 de outubro de 2018

Casa de shows contesta versão de professor, diz que ele tentava levar objetos e começou agressão



Em nota distribuída nas redes sociais, dirigentes do Ziggy Hostel Club, que funciona na Travessa Benjamin Constant, afirmam ser falsa a denúncia do professor Nilberto de que este teria sido agredido por ser umbandista e de estar ostentando adesivo do candidato petista Fernando Haddad.

Professor e umbandista é agredido por quatro homens em Belém. Já passou da hora de acabar com essa intolerância



O professor Nilberto, que leciona Geografia em uma escola pública de Mosqueiro, foi brutalmente agredido por quatro homens que estavam em uma casa de shows na Travessa Benjamin Constant, no centro de Belém. Nas duas versões sobre a agressão, a motivação foi a intolerância e o ódio que tomam conta do Brasil neste dias agitados e tensos de campanha eleitoral.

Sujeira na eleição para o governo do Pará: pesquisa falsa da Doxa vira caso de polícia


Tem gente desesperada e incomodada com a credibilidade do Instituto Doxa, criando pesquisas falsas que apontam Helder Barbalho (MDB) com números tão altos que o candidato aparece como virtualmente eleito. 

Até e-mails  e telefones do Whatsaap, supostamente em nome da Doxa, estão sendo usados  para dizer que é  verdadeiro o que não passa de rematada falsidade.

Basa, um jabuti estatal na mira de Bolsonaro?

O banco acumula prejuízos; e os agricultores, dívidas
Muita gente, sobretudo os de visão estatizante, tremeu nas bases. O presidenciável Jair Bolsonaro, caso eleito, pretende privatizar algumas estatais. Ele disse que o Banco do Brasil e a Caixa Econômica, porém, estariam de fora.

sexta-feira, 12 de outubro de 2018

Na TV, Haddad culpa Bolsonaro por "onda de violência"; e Bolsonaro chama Haddad de "bonequinho do Lula"



Na estreia do horário eleitoral gratuito na televisão neste segundo turno, os candidatos à Presidência Fernando Haddad (PT) e Jair Bolsonaro (PSL) atacaram um ao outro. O primeiro cita os casos de agressões e violência de eleitores do Bolsonaro; enquanto o segundo cita Cuba e Venezuela, insiste nas críticas ao PT, e, em determinado trecho, faz-se um paralelo entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado na Lava Jato, e “chefes do tráfico”.

Nem a morte escapa da corrupção, em Viseu

Se já está difícil viver, em meio a tanta corrupção e desvio de dinheiro público, imagine depois da morte. Em Viseu, município da região nordeste do Pará, na fronteira com o Maranhão, o promotor de Justiça Emério Mendes Costa abriu investigação para apurar indícios de fraudes à licitação e desvio de recursos públicos pela prefeitura em uma funerária. O inquérito civil foi aberto na última terça-feira, 9.

Lula deu rasteiras em Ciro, que lavou as mãos

Lula apostou no "poste" e alijou Ciro. Agora, Haddad ficou na roça

Quem comenta é o site O Antagonista, sobre matéria de O Globo, que listou as  rasteiras que Lula deu em Ciro Gomes:

“Optou por lançar Fernando Haddad, de seu próprio partido, para seguir controlando a esquerda sem que ninguém lhe fizesse sombra. Em seguida, deu início à estratégia de moer aliados.

quinta-feira, 11 de outubro de 2018

Quem vencerá a eleição para o governo do Pará e presidência? Esta noite, no "Linha de Tiro"


O segundo turno  é uma nova eleição. É um combate direto entre os dois candidatos mais votados. E por isso mesmo, repleta de fatos novos, ataques diretos e imprevisibilidade.

Promotor militar recorre contra decisão que arquivou denúncia contra Márcio Miranda

Brasil: "autoridades colaboraram para o crime"
O promotor militar Armando Brasil ingressou hoje com recurso em sentido estrito contra a decisão do juiz Lucas do Carmo de Jesus, que rejeitou, na semana passada, a denúncia de peculato contra o deputado Márcio Miranda (DEM), candidato ao governo do Estado.

Com 15 laudas - veja abaixo o documento ao qual o Ver-o-Fato teve acesso -, o recurso do Ministério Público afirma que os termos nos quais o juiz se baseou para não aceitar a denúncia são improcedentes.

Bomba: juiz manda PF trancar inquérito de fraudes da Agropalma e ameaça delegado com multa diária de R$ 100 mil

Campelo: decisão polêmica agita PF
Em decisão cuja mão pesada e desproporcional caiu como bomba dentro da Polícia Federal do Pará, o juiz da 4ª Vara Federal e do 2º Juizado Especial Federal (JEF), Antonio Carlos Almeida Campelo, determinou o trancamento definitivo do inquérito policial que investiga a participação em fraudes e grilagem de terras públicas e particulares de Antonio Pereira da Silva e José Hilário Rodrigues de Freitas, ex-gerente e ex-presidente, respectivamente, da empresa Agropalma.

Infoxicação, o que é isto? É a doença da modernidade



Antonio Monteiro - médico

Você já teve a sensação de que não está conseguindo ler todas as informações que estão a sua disposição todos os dias? Isso causou alguma ansiedade em você? Cuidado! Você está em risco de sofrer de INFOXICAÇÃO!

Infoxicação?! O que é isso?!

quarta-feira, 10 de outubro de 2018

Sai primeira pesquisa do segundo turno: Bolsonaro tem 58% dos votos válidos; Haddad, 42%, diz Datafolha

Jair Bolsonaro (PSL) aparece com 58% dos votos válidos na  primeira pesquisa Datafolha no segundo turno da eleição presidencial, divulgada nesta quarta-feira, 10. Fernando Haddad (PT) tem 42%. O cálculo desconsidera os eleitores que pretendem votar nulo ou em branco, ou seja, se refere aos votos válidos.

PT troca vermelho pelo verde, amarelo e azul, tira Lula de "santinhos" e muda estratégia de campanha

A campanha, até ontem, era assim
Agora, depois da mudança, ficou assim
 


Reunida nesta quarta-feira, 10, em São Paulo, a coordenação da campanha do PT decidiu que no segundo turno a candidatura de Fernando Haddad vai ter caráter de frente política. Para isso o vermelho do PT perdeu espaço para o verde e amarelo da bandeira brasileira no material de campanha, o slogan passou a ser "O Brasil para todos" no lugar de "O Brasil feliz de novo" e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva desaparece da foto oficial.

MPT de olho aberto na Hydro, que foi explicar-se sobre ameaça de demissões em massa

Dirigentes da Hydro estiveram no MPT, ontem: empregos na mira

Sem ainda nada de prático ter feito para amenizar ao menos o impacto dos crimes ambientais e sociais de que é acusada no Pará, a mineradora norueguesa Norks Hydro passa os últimos dias tendo de se explicar às autoridades e fiscais da lei. Com a retomada de 50% das operações, empresa tem concedido férias coletivas, suspensão de contrato de trabalho e redução de jornada a fim de manter empregos, mas não descarta demissões.

Márcio Miranda arrega e não aparece no "Bate-Papo da Pólis"

Chamada publicada nas redes, mas Miranda não deu o ar da graça
Foi um constrangimento total. Estúdio pronto, luz nos trinques, microfones testados, câmeras na posição. E aí? Aí que o convidado, Márcio Miranda (DEM), candidato a governador, não deu as caras, arregou.

terça-feira, 9 de outubro de 2018

TJ do Pará aceita denúncias contra prefeitos de Bonito e Tailândia e instaura ação penal

Os desembargadores acolheram as denúncias do Ministério Público

A Seção de Direito Penal do Tribunal de Justiça do Pará aceitou parcialmente, denúncias oferecidas pelo Ministério Público contra os prefeitos de Bonito, Sílvio Mauro Rodrigues Mota, e de Tailândia, Paulo Liberte Jasper. Com o recebimento das denúncias, na reunião da Seção Penal desta segunda-feira, 8, foram instauradas as ações penais, sob a relatoria do desembargador Ronaldo Marques Valle.

Exclusivo - Juiz de Belém analisa novo pedido de paralisação da bacia de rejeitos da Hydro

Raimundo Santana quer ouvir cientistas e pesquisadores sobre o caso Hydro

A multinacional norueguesa Norsk Hydro está correndo contra o tempo para concluir o licenciamento ambiental da bacia de Depósito de Resíduos Sólidos (DRS2), embargada pela Justiça desde que os Ministérios Públicos flagraram que ela funciona sem licença válida e ainda utilizava canais e drenos clandestinos.
No entanto, pode ocorrer que de nada adiante esse esforço, porque a justiça analisa ação coletiva de comunitários apontando ter sido construída essa bacia de Depósitos de Resíduos Sólidos sobre uma Reserva Ecológica projetada para proteger as famílias tradicionais daquela região de Barcarena. Para piorar a situação das industriais de minério, o processo está sustentado por estudos e pesquisas científicas de instituições respeitadas.

segunda-feira, 8 de outubro de 2018

Bolsonaro X Haddad: provocações e fake news



A polarização que tanto mal fez ao país, entre PT e PSDB, nos últimos vinte anos, vai continuar. Desta desta vez, porém, será entre o PT e um homem, Jair Bolsonaro, que quase leva a eleição no primeiro turno. O que vem por aí é discurso duro, dos dois lados, porque se o PT não admite perder para Bolsonaro, por outro lado Bolsonaro sequer cogita a derrota para o PT.

Ibope sai desmoralizado da eleição no Pará, mais uma vez; a Doxa estava certa


Quem já se acostumou com os erros do Ibope em pesquisas eleitorais, nos últimos 40 anos no Pará, não estranha mais uma pixotada, desta vez na eleição de 2018. Com toda a sua estrutura nacional, que leva muita gente a ser influenciada por seus números, o Ibope parece ter enterrado uma "caveira de burro" em terras paraenses, porque não acerta uma.

Onde estão os votos absolutos de Bolsonaro e Haddad





Jair Bolsonaro (PSL) obteve quase 50 milhões de votos, enquanto Fernando Haddad (PT) superou 30 milhões. O terceiro colocado, Ciro Gomes (PDT), conquistou 13 milhões. A diferença a favor de Bolsonaro, contra Haddad, alcançou 18 milhões de votos.

domingo, 7 de outubro de 2018

Bolsonaro e Haddad disputam segundo turno

A polarização do primeiro turno vai esquentar no segundo

O segundo turno da eleição presidencial será disputado entre  os candidatos Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) - a votação será dia 28. Com 97,59% das urnas apuradas, o capitão reformado alcançou 46,46% dos votos válidos, e o petista, 28,69%.  Ciro Gomes (PDT) conquistou 12,52% e terminou a disputa em terceiro lugar.

O fantasma de 2014 baixou na eleição de 2018: Helder e Márcio vão disputar segundo turno


O que Helder e os Barbalho mais temiam aconteceu: a eleição para o governo do Pará terá um segundo turno renhido do emedebista contra Márcio Miranda (DEM), o candidato do governador Simão Jatene.

sábado, 6 de outubro de 2018

Ibope diz que Helder vence no 1 turno; para a Doxa, não: a verdade está nas urnas

Helder venceu, como aponta Ibope? Doxa diz que não. Quem está certo?

Mais uma vez, os institutos Ibope e Doxa divergem de seus números sobre a eleição para o governo do Pará. O Ibope, reafirmando, a um dia da eleição, que Helder Barbalho, do MDB, será eleito no primeiro turno, pois já tem 54% dos votos válidos. Enquanto isso, a Doxa insiste que haverá segundo turno, pois a soma dos votos de Márcio Miranda, Paulo Rocha, Fernando Carneiro e Cleber Rabelo tira de Helder a vitória no primeiro turno.

Ibama autoriza Hydro a usar filtro prensa em bacia: acabou desculpa para fechar planta industrial

A autorização foi concedida ontem pelo Ibama à empresa
Acabou a desculpa da Norks Hydro para paralisar suas atividades, a menos que esteja, como se desconfia, tentando fazer chantagem sobre o judiciário paraense, que mantém o embargo de metade da produção de alumina da empresa. 

sexta-feira, 5 de outubro de 2018

Mais uma patacoada da Hydro



Ismael Moraes – advogado socioambiental *

Enfim, os Ministérios Públicos resolveram responder às “notas oficiais” publicadas pela multinacional Norsk Hydro acerca da sua paralisação, por ela se sentir a prima-dona da economia do Pará – e por ter o governo Jatene, com sua proverbial incompetência e corrupção, como refém de suas vontades.

Causou espécie quando, por ocasião da assinatura do TAC, a mineradora norueguesa publicou que as autoridades (inclusive MPs) concluíram que não ocorreu vazamento e que suas instalações estavam licenciadas e sem irregularidades, mas mesmo assim a Força Tarefa dos MPs manteve-se calada, não desmentiu as afirmações.

Juiz rejeita denúncia de crime de peculato contra o candidato ao governo do Pará, Márcio Miranda

 "Não houve dolo", diz juiz sobre benefício a Miranda
O juiz auxiliar da capital no exercício da Justiça Militar do Estado, Lucas do Carmo de Jesus,em decisão proferida na manhã desta sexta-feira, 5, rejeitou a denúncia feita pelo promotor militar Armando Brasil contra o deputado Márcio Miranda, candidato ao governo do Estado, acusado de crime de peculato por receber dos cofres públicos R$ 1,5 milhão de aposentadoria indevida na condição de major da Polícia Militar. "Penso forçoso reconhecer que não está demonstrado que o denunciado tenha agido com dolo para receber remuneração indevida paga pelo Estado em decorrência de sua transferência ex officio para a reserva remunerada", diz o juiz na decisão.

As explicações dos Ministérios Públicos para a decisão da Hydro de paralisar atividades no Pará

Depósitos de rejeitos da Hydro em Barcarena
Em nota conjunta enviada ao Ver-o-Fato, o Ministério Público Federal (MPF) e o Ministério Público do Estado do Pará (MPPA) posicionam-se sobre o anúncio feito anteontem pela mineradora norueguesa Norks Hydro de paralisar totalmente suas atividades em Paragominas e Barcarena. Leia a nota, na íntegra:

quinta-feira, 4 de outubro de 2018

Eleições, aqui e no Planalto, quem tem chances de vencer? Às 8 da noite, ao vivo, no "Linha de Tiro"


Os analistas do programa "Linha de Tiro", que começa às 20h00 em ponto desta noite, vão tratar das eleições para o governo do Pará, Senado, Deputado Federal e Estadual, além de presidente da República. Quem é favorito para vencer e por quê? Quem será derrotado? Ainda na pauta, as estratégias dos marqueteiros, a força das redes sociais, as fake news.

Juíza do Pará, pressionada e ameaçada em Xinguara, pede demissão em carta, reconsidera pedido e entra de licença médica

Juíza Ana Carolina: pressões, ameaças e falta de apoio do TJ
Substituta na comarca de Xinguara, a juíza Ana Carolina Barbosa Pereira, horas depois de correr a notícia exclusiva no blog do Zé Dudu ( https://www.zedudu.com.br ) de que havia encaminhado contundente e gravíssima carta à presidência do Tribunal de Justiça do Pará, pedindo exoneração do cargo, retrocedeu à decisão e ingressou com pedido de licença médica. Jovem e sem conhecer os desafios impostos a quem se propõe a levar justiça em regiões onde grassa a corrupção, as ameaças de supostos poderosos e até mesmo a arrogância de um promotor  e de advogado cujo nome ela não declina na carta, Ana Carolina foi aconselhada por amigos e magistrados a repensar sua atitude.

quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Advogado que defende comunidades atingidas pela Hydro afirma: ela fatura R$ 20 bilhões por ano e deve tratar "com decência" povo de Barcarena

Ismael Moraes prepara-se para acionar a Hydro nas cortes européias

Defensor de 70 comunidades de Barcarena atingidas pela contaminação de rejeitos de bauxita da norueguesa Norks Hydro e suas subsidiárias Alunorte e Albrás, o advogado Ismael Moraes, em entrevista ao Ver-o-Fato, afirma que a decisão da empresa de paralisar suas atividades deve ser vista não com impacto, mas "com alívio", porque sem estar em atividade ela "pelo menos deixará de despejar substâncias contaminantes no meio ambiente".

PF acaba com farra corrupta de compra de votos em colônia de pescadores de Santarém

Os agentes da PF acabaram com a farra eleitoral corrupta na Z-20


A compra de votos anda a mil por hora em algumas regiões do Pará, na véspera das eleições. Candidatos sem nenhum trabalho relevante a favor dos eleitores, surgem com malas de dinheiro, equipamentos de trabalho, materiais de construção, corrompendo eleitores também corruptos e sem consciência política.

Embargada pela Justiça e acusada de envenenar meio ambiente, Hydro anuncia paralisação temporária de suas atividades em Barcarena e Paragominas

A contaminação, comprovada por laudos oficiais, atingiu comunidades
A refinaria de alumina Hydro Alunorte anunciou nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira (3) que suspenderá temporariamente 100% de sua operação nos municípios de Barcarena e Paragominas, no Pará. A Alunorte está operando com 50% de produção desde março, após ser denunciada pelo despejo irregular de resíduos em rios e igarapés, causando danos ao meio ambiente e à população local.

terça-feira, 2 de outubro de 2018

O tiro no pé das esquerdas e a onda Bolsonaro: o Brasil de 2013 acordou e agora tem lado?



Alguém aí me explica por qual motivo Bolsonaro cresceu ainda mais nas pesquisas depois das passeatas feministas e das adjetivações que dominam setores da esquerda aliada ao PT contra ele?

Não, não adianta opinião de sociólogo de botequim, nem historiador da USP, nem analista de resultados formado na escola de quem só vê o mundo com viseira ideológica. Quero uma explicação lógica, sensata, e, mais do que isso, realista.

Me poupem de frases decoradas e repetitivas do tipo "fascista", "homofóbico", misógino", etc. Isso tudo já foi dito, berrado nas ruas, nas passeatas, e está produzindo resultado inverso. Bolsonaro não é, nunca foi, nem será, flor que se cheire. Ele promete "quebrar o sistema", mas suas propostas de governo não são claras e geram temor no mercado de capitais.

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

Promotor recorre contra soltura de Giovanni Maiorana, pede prisão dele e que fiança suba para R$ 5 milhões

Promotor Luiz Márcio Cypriano


Numa peça de 38 laudas, o promotor de justiça de Controle Externo da Atividade Policial, Luiz Márcio Teixeira Cypriano ingressou com recurso em sentido estrito contra a decisão do juiz da Vara de Inquéritos Policiais, Heyder Tavares Ferreira, que mandou soltar, mediante pagamento de fiança de R$ 500 mil, o empresário Giovanni Chaves Maiorana, acusado de matar duas pessoas e ferir outra, no trânsito, semana passada. 

Por decisão de Lewandowski, entrevista de Lula à Folha é liberada, mas Palloci chegou primeiro e faz cela do ex-presidente tremer

Lula e Palloci: entrevista liberada à Folha e delação bombástica de 800 páginas

Brasília e Curitiba estão pegando fogo neste começo de semana que antecede às eleições do próximo domingo, 7. Enquanto em Curitiba o juiz Sérgio Moro levantava o sigilo da explosiva delação premiada do ex-ministro petista Antonio Palocci, com revelações bombásticas - ainda há outras 800 páginas que ainda não vieram a público, mas que prenunciam conteúdo demolidor para o ex-presidente e hoje presidiário Luiz Inácio Lula da Silva e para o próprio PT -, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, determinou o cumprimento da decisão tomada por ele na sexta (28) autorizando a realização de entrevista da Folha de S.Paulo com Lula, preso em Curitiba desde abril.

EXCLUSIVO: Aos 79 anos, dona Gláucia afirma: "só quero justiça"



Na entrevista a seguir, de Gláucia Meirelles, concedida com exclusividade ao Ver-o-Fato, a herdeira das terras, em Altamira, narra a luta que trava nos últimos 22 anos para que as propriedades de sua família lhes sejam devolvidas.

Como a senhora se sente hoje ao saber que, apesar de a Justiça Federal ter reconhecido as fraudes e anulado as escrituras, bloqueando-as e cancelando-as no cartório de Altamira, ainda não foi feita a justiça com relação aos seus direitos?

EXCLUSIVO - Procurador da República, Felício Pontes diz que herdeira tem direito à reparação pelo Estado

Para Felício Pontes, Iterpa deve prestar informações e resolver o problema


Responsável no Ministério Público Federal (MPF) pela ação ordinária movida pelo Estado e que teve a União como litisconsorte em razão de nas 12 áreas estarem localizadas terras públicas federais e reservas indígenas – o que resultou na decisão do juiz federal Hugo Sinvaldo da Gama Filho de anular os registros fraudulentos da Incenxil -, o procurador da República, Felício Pontes Junior, hoje atuando na Procuradoria-Geral da República em Brasília, disse ao Ver-o-Fato que a herdeira das terras na regiãoi do Xingu, Gláucia Meirelles têm direito à reparação por meio do Estado.

EXCLUSIVO - Herdeira quer de volta as terras da maior grilagem do mundo, em Altamira


Gláucia Meirelles: " a quadrilha sumiu com tudo, até dos cartórios"

Ela já foi chamada de “a maior grileira” de terras do Brasil, no “livro branco", editado pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). A acusação não tinha nenhuma prova e, sob ameaça de processo judicial por calúnia, injúria e difamação, foi retirada do livro. Quase 20 anos depois do episódio, a paraense Gláucia Alencar Meirelles Rocha, ao 79 anos, e que há mais de 40 reside no Rio de Janeiro, clama por justiça, tentando reaver de volta as terras de sua família que foram usadas na maior fraude fundiária da qual se tem conhecimento no mundo.