domingo, 2 de setembro de 2018

Nelson Medrado afirma que "não é covarde" e diz que Gilberto Valente o ataca em vez de se defender


A respeito da matéria anterior, sobre supostas irregularidades em evento do Ministério Público do Estado do Pará que envolvem o procurador-geral de Justiça Gilberto Valente Martins e a resposta dele ao Ver-o-Fato, chamando o procurador Nelson Medrado de "covarde", o blog recebeu há pouco de Medrado o seguinte pedido de publicação:

" Não sou dado a debates de questões pessoalizadas, mas como fui atacado direta e publicamente pelo Procurador-Geral de Justiça Gilberto Valente Martins, tenho que me defender. Inicialmente, quanto a questão dos gastos no Encontro Regional do Ministério Público na cidade de Marabá, tudo o que tinha a dizer está na petição endereçada ao CNMP, a quem o Gilberto terá de responder.

Sou Procurador do MP do Pará e, como integrante do Colégio de Procuradores, tenho o dever de ofício de questionar a aplicação dos recursos destinados ao Ministério Público. Nesse sentido, questionei esse gasto na esfera competente, o CNMP, cabendo ao Procurador-Geral explicá-lo. Quanto ao fato, referido pelo Gilberto, envolvendo o Procurador Jorge Rocha e que me valeu o epíteto de “covarde”, realmente não sei do que se trata. 

A única notícia de irregularidade recente com relação ao Jorge e que eu estive envolvido, foi uma notícia que aportou no MP e que narrava que um genro do Jorge tinha realizado venda de computadores para o MP. A notícia foi por mim recebida, verificada a veracidade (factível) e encaminhada ao Gilberto para apurar, já que eu não tinha mais atribuição para aquela investigação. 

A Procuradoria-Geral arquivou liminarmente a notícia de irregularidade contra o Jorge, contudo, o Gilberto pediu a abertura de procedimento disciplinar contra mim, por eu ter “investigado o Procurador Jorge de Mendonça Rocha sem autorização do PGJ”, sendo aberto o procedimento.

Essa acusação de ter investigado autoridade sem autorização foi a mesma invocada para abrir o PAD a que o Gilberto se referiu e que eu respondo. PAD, aliás, que muito me orgulha e que revela que não sou omisso, covarde ou subserviente, pois estou respondendo esse PAD por ter tentado investigar desvio de recursos públicos envolvendo o Governador do Estado, ainda no exercício da função, e seu filho (fornecimento de combustível ao Estado por postos do filho do Governador).

De resto, eu já estou acostumado a reações, como essa do Gilberto, de acusados que passam a me atacar e a duvidar de meus propósitos em vez de se defender, pois bastaria explicar os gastos e tudo estaria resolvido. Nenhuma autoridade pública pode se sentir ofendida por ter que explicar como gasta os recursos públicos, principalmente nós, membros do Ministério Público, que regularmente cobramos essas explicações de outras autoridades".

6 comentários:

  1. Parabéns Dr.Medrado, você é o símbolo contra a corrupção que infelizmente impera em nosso Estado, através desse governador Tucanalha e sua quadrilha,na qual esse procurador geral,em momento nenhum diz como anda essa investigação e nem tampouco é cobrado pela imprensa.Aliás o que imprensa Sr importa mesmo é sempre atribuir a corrupção e os desmandos em nosso Estado,a Hélder e seu pai Jáder,mas o povo sabe quem realmente é o maior corrupto desse Estado, senão a família Jateve e sua quadrilha!

    ResponderExcluir
  2. A família corrupta do sr Jatene quando é eventualmente incomodada pelo Mp a sua corregedoria logo arranja um pad contra o membro que a investiga. O destemido dr medrado foi logo alvo de um injusto pad quando descobriu o esquema conhecido como betocard e afastado do cargo assim que o sr Gilberto Martins assumiu a procuradoria

    ResponderExcluir
  3. Esperamos que tudo seja esclarecido não nos bastidores interno, mais no rigor da lei.

    ResponderExcluir
  4. Esperamos que o novo governador peça aos novos corregedores a apuração dos fatos,principalmente a questão do filho do atual governador,sabemos que sua imunidade de governador vence em 01/01/2019 e os processos devem vim a publico sem sigilo.

    ResponderExcluir
  5. Meu Deus,quantas acusacoes graves noticiadas contra agentes publicos de quem a populacao espera irretocavel conduta. Isso mostra a que ponto de esculhambacao chegou o pais.

    ResponderExcluir
  6. Esperamos sinceramente que o Helder eleito governador deixe que as investigações contra o ladrão governador e seus familiares corram normalmente sem interferir em nada.

    ResponderExcluir