sábado, 1 de setembro de 2018

Clãs familiares lideram pesquisas e devem manter o poder no Pará, Alagoas e Sergipe, diz portal Brasil 247

Nos três estados estão os piores indicadores sociais do país
Voney Malta - jornalista *
Pesquisa Ibope realizada este mês em Alagoas, Sergipe e Pará mostra um fato inédito na política brasileira: pela primeira vez em uma eleição pais e filhos disputam ao mesmo tempo o pleito para senador e governador, casos de Renan Calheiros e Renan Filho, Jader barbalho e Hélder Barbalho e Valadares e Valadares Filho; a tendência é que esses clãs políticos saiam ainda mais poderosos da eleição.

Pela primeira vez na história eleitoral no Brasil pais e filhos disputam ao mesmo tempo as eleição majoritárias -concorrendo para os governos estaduais e Senado em três estados, Alagoas, Pará e Sergipe. 
São clãs familiares comuns na política do Norte e do Nordeste alimentados pelo poder político e econômico eleição após eleição nas regiões e estados com os piores indicadores sociais do país. 

De acordo com pesquisa Ibope - realizada este mês em todos os estados e no Distrito Federal -, a tendência é que as dinastias dos Calheiros em Alagoas, dos Barbalho no Pará e dos Valadares em Sergipe elejam pais e filhos. 

Alagoas: O senador Renan Calheiros e o seu filho, o governador Renan Filho, ambos do MDB, devem ser eleitos em Alagoas. De acordo com o Ibope, eles lideram as disputas. O senador lidera corrida por uma das duas vagas ao Senado com 33% de intenções de voto; o segundo colocado, Benedito de Lira (PP) tem 25%. Renan Filho aparece com 46% na disputa do governo; o segundo colocado, o senador Fernando Collor , fica com 22%. 

Pará: Os Barbalho, também do MDB, lideram para o Senado, com o pai, Jáder Barbalho com 29% das intenções de voto. Seu filho, Helder Barbalho, tem 43% das intenções de voto para o governo. 

Sergipe: a eleição é mais disputada, de acordo com a fotografia de momento. Antônio Carlos Valadares, (PSB) está na frente na corrida para reeleger-se ao Senado, com 28%; André Moura, 21%; Jackson Barreto, 16% e Rogério Carvalho, 12%. Na corrida pelo governo, Valadares Filho, também do PSB, tem 23%; Eduardo amorim, 17%; Belivaldo Chagas, 12%.

* Voney Malta é jornalista e editor do portal Brasil 247

19 comentários:

  1. Se esses clãs do mal se elegerem o Brasil não tem mais jeito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, Depois não adianta o povo enviar video pro jornal Nacional dizendo que Brasil você quer para o futuro, se elege esses corruptos, desqualificados, cleptomaníacos, sedentos pelo poder, querem eleger Mãe, pai, filho, sobrinho, o cachorrinho e o papagaio de casa, Ridículo.

      Excluir
  2. Pior se a tucanalha conseguir eleger Márcio Miranda! Continuaremos com as chacinas, milícias, carro prata, morte de PMS! A população paraense não aguenta mais!

    ResponderExcluir
  3. Não misturem as coisas senhor blogueiro,se o Pará está entre os piores índices de desenvolvimento social do Brasil,o culpado têm nome e sobrenome se chama Jateve e sua quadrilha dos Tucanalhas que há mais de 20 anos estão destruindo nosso Estado é por isso que Hélder lidera as pesquisas junto com seu pai,o povo nunca vai esquecer as obras deixadas pelo Jáder,alem do mais Hélder e novo e cheio de idéias e vontade política de fazer uma revolução administrativa em nosso Estado,coisa que esse atual governador e sua quadrilha não querem!

    ResponderExcluir
  4. O pior mesmo de todos os clãs é maldito PSDB,então menos pior...

    ResponderExcluir
  5. Barbalhos,Calheiros, Valadares, É esse o Brasil que os brasileiros querem para o futuro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei por lá, mas aqui no Pará, preferível os Barbalhos do que os atuais “Jatenes” e a corja de tucanos que lhes rodeiam! Estamos nos afundando a anos na mão desta trupe...

      Excluir
  6. JADER BARBALHO, HÉLDER BARBALHO, RENAN CALHEIROS, RENAN FILHO. O POVO VAI VOTAR NESSES CLEPTOMANÍACOS SEDENTOS PELO FORO PRIVILEGIADO?, ACHO QUE NÃO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem certeza dr que sabe o que são cleptomaníacos? Tenho certeza que não sabe! A usou porque achou a expressão bonita! Típico dos tucanos! Democracia é assim, meu caro. Você prsa os candidatos e vota. Agora é hora de tirar o Pará da lerdeza e attaso. E isso tem nome: PSDB. E tenho dito

      Excluir
  7. Enquanto nao houver uma ampla e verdadeira reforma politica que diminua a influencia politica de partidos (fim do financiamento publico, candidaturas avulsas, voto distrital,fim do horario gratuito e diminuicao do mandato de senadores e suplencia,limite de mandatos) continuaremos a ve as mesmas caras e pouca alternancia de poder.

    ResponderExcluir
  8. Nossa grande família está indecisa em quem votar. Mas já chegamos a um consenso : Não votar em nenhum candidato que já tenha exercido mandato no executivo. Vamos sufragar o voto, com certeza, no Menos Pior .

    ResponderExcluir
  9. E a famifam Jateve? Izabela dinheirinho,Beto card.Essa sim a família metralha que roubou os sonhos do povo paraense por um Pará mais desenvolvido.

    ResponderExcluir
  10. O “jornalismo” mequetrefe do “Portal 247” e de sua equipe...tendencioso e equivocados como sempre! Deveria, se tivesse lealdade com a verdade, de eria ter dito que no Pará, o Clã Familiar que destruiu o Estado é outro, são os Jatenes e o séquito do PSDB.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo e o pior que têm apoio de bloguista aqui do Pará,loucos para tentar convencer o povo a não votar em Hélder pois sabem que ele domina as pesquisas e que o candidato fantoche do pior governador do Estado do Pará dos últimos tempos chamado Jateve.Mas o povo vai dar a resposta para esses blogueiros tendenciosos.

      Excluir
  11. Verdade o que o anônimo de 02.09 falou. A família Jatene enriqueceu nesses últimos anos principalmente em razão do escândalo do betocard! Ele chegou a ser preso pela PF! Além disso foi revelado que ele tem 13 milhões de reais em uma de suas contas bancárias

    ResponderExcluir
  12. Jatene não é mais candidato. Agora é o Ficha Limpa de Castanhal Márcio Miranda. Vamos testar ele no executivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por que és tucano o Márcio é ficha limpa? Sou castanhalense, meu caro, e garanto que não é! E olha que nunca foi do executivo, pois apanhou do Titan em 2012 e apanhará do Helder em 2018, ainda bem. Para vocês, tucanos de bicos quebrados, honestidade é retórica.

      Excluir
    2. Márcio Miranda é Jatene e vice-versa! Nao adianta tentar dissociar! É mais do mesmo! Jatene é tão Marcio Miranda que preferiu aos demais tucanos, para tentar lhe fazer sucessor! E das indicações de Jatene, ainda mais para “testar no executivo”, como sugere o Anônimo de 19:24, já bastou o “embuste” do Zenaldo...olha o estado que está o Para é especialmente Belem, em quase 8 anos de dobradinha da turma do PSDB no poder...

      Excluir
  13. Falando em Marcio Miranda, recordem-se de seu querido irmão, Kleber Tayrone Teixeira Miranda, que recebeu um cargo a época. Para refrescar a memória dos mais esquecidos, entre 2011 e 2013, o Iasep foi até presidido por ele, recebeu do Tucano Jatene, vultuosas quantias as empresas da família, e rendeu-lhe ainda quando Secretário de Saúde de Castanhal/PA, e assim foi
    entendido pela sentença (condenatória), a prática de improbidade na gestão dos
    recursos públicos federais advindos do Fundo Municipal de Saúde. Se formos "pesquisar" mais, encontramos mais e mais. Querem mais? Elejam o irmão dele então.

    ResponderExcluir