VER-O-FATO: A "ÉTICA" DO WLAD

sábado, 19 de maio de 2018

A "ÉTICA" DO WLAD

O professor Therezo Neto, agredido com um tapa na cara pelo deputado federal Wladimir Costa em Jacundá, reúne provas para provocar o Conselho de Ética da Câmara Federal a abrir processo de cassação do mandato do parlamentar. 
As imagens da agressão ainda correm o país. Wlad tem dito que não teme processo e que não se arrepende do gesto.
De “ética”, ele entende. Basta ver como se conduz nas ruas e no plenário, durante as sessões em Brasília.

2 comentários:

  1. O wlad,inclusive, já teve o mandato cassado e não deveria nem estar na bancada paraense em Brasília-DF. Portanto, em 2018, a população do estado do Pará não vai ser trouxa e mandar de volta para Brasília-DF este deputado "honesto e ético". Ele pode ir para Brasília-DF sim, mas para o PRESÍDIO DA PAPUDA.

    ResponderExcluir
  2. Carlos Mendes, Wladimir Costa é "representante" do povo paraense, tal qual Jáder Barbalho, Nilson Pinto, Josué Bengtson...
    Graças a eles temos o estado que temos...!!!

    ResponderExcluir