domingo, 1 de abril de 2018

GRANDE BELEM PEDE SOCORRO: COMANDO VERMELHO COBRA PROPINA PARA DAR "SEGURANÇA" AOS MORADORES

Prisões no Aurá e papel do C.V para cadastro. Fotos do Facebook



O cerco parece estar se fechando sobre a segurança pública do Pará. E esse cerco parte do crime organizado, segundo várias denúncias postadas por cidadãos de bem que se dizem assustados e acuados diante de facções criminosas que chegam ao ponto de fazer postaagens nas redes sociais, anunciando a intenção de enfrentar a polícia e até matar policiais, sejam militares ou civis. 

Em Belém, já temos facções instaladas em bairros como Guamá, Sacramenta, Terra Firme, Barreiro, Marambaia, etc. Artigo do jornalista Lúcio Flávio Pinto, em seu blog, alerta as autoridades para o avanço das zonas conflagradas da capital paraense, inclusive com ordens aos bandidos para não assaltar moradores da área. Do bairro do Aurá, em Ananindeua, por exemplo, parte um clamor de socorro (leia, abaixo), postado no Facebook.

"ALERTA URGENTE!!! Venho aqui através desta mensagem alertar sobre a praga que está se espalhando sobre os quatro cantos do estado do pará, estou falando das facções criminosas CV. pgn. Pcc. e outras, Sou mototaxista cidadão trabalhador que pago meus impostos em dia. Sou morador do bairro do Aurá essa praga chamada CV denominada (comando vermelho) que vem se estalando (sic) no bairro do Aurá, obrigando os moradores a pagar propina, aqueles que se recusarem a pagar irão pagar com a própria vida, nosso bairro virou um verdadeiro inferno.

Todos os moradores são obrigados a pagar a quantia de 10,00 por semana, comerciante 500,00 por mês. Muitos não tem condições de se alimentar com dignidade muito menos pagar 40,00 por mês no último sábado tive que pagar os únicos 10,00 que tinha para comprar o leite do meu filho que tem apenas 8 meses de nascido. 

Alguns motaxista estão até entregando o ponto porque não tem condições de pagar a propina estipulada pelo CV (comando vermelho ) quem tem como liderança BÉNEZINHO da Águas Brancas PAPAGAIO, ERÊ todos se encontram presos em Americano, mesmo presos os mesmos estão causando maior terror na população.

Alguns moradores estão abandonando até suas casas com medo, até as viaturas estão proibidas de pararem na frente dos comércios, suas reuniões é feita em um condomínio chamado Carandiru, que fica em Águas Brancas onde se reunem vários criminosos como homicidas, assaltantes foragidos da justiça, lá é guardado carros e motos roubadas inclusive serve de cativeiro para cometer barbárie com as pessoas.

O criminoso que conseguir matar um policial será nomeado conselheiro do CV, e ganhará um prêmio de ( dez mil reais) toda vez que é morto um policial é feito uma festa com fogos de artifícios regrado com muita cerveja e droga, e agora quem poderá nos defender? O shapolin colorado ?

SENHOR GOVERNADOR, SECRETÁRIO DE SEGURANÇA PÚBLICA, AO DELEGADO GERAL DA POLÍCIA CIVIL AO COMANDANTE GERAL DA POLÍCIA MILITAR, AO MINISTÉRIO PÚBLICO. peço até pelo amor de Deus, venham nos ajudar estamos abandonado não acredito que a polícia se acovardou.... #NEGAO BELÉM NOTÍCIAS 25Hs Pará Brasil"


Outra informação, postada ontem no Facebook e enviada ao Ver-o-Fato, diz o seguinte:

PM CHEGOU A PRENDER O "GORDO DO AURÁ"

"O Capitão Macedo, oficial de Dia, do 29 Batalhão PM informou que por volta ds 21h de ontem, o quartel foi informado que estaria havendo uma grande reunião no Bairro do Aurá – Ananindeua, sob a promoção da organização criminosa Comando Vermelho – CV.

Por isso, os PMs se dirigiram para o local nas viaturas  0606 e 0613 – 6º BPM e 06 (seis) viaturas do 29º BP, sob o comando de um Subtenente. O local da reunião: Sede da Galera do Aurá "GDA", quadra 10 do conjunto Jardim Jader Barbalho – Aurá – Ananinduea. Estavam presentes cerca de 60 (sessenta motostaxistas) no local. Que tambem estava presente o vereador de Ananindeua GORDO do AURÁ.

Prosseguiu o oficial, dizendo ... O primeiro motivo da reunião, a principio, seria um ajuste de tarifa de serviços de transporte dentro do bairro a fim de beneficiar os mototaxistas. O segundo motivo, seria o CADASTRAMENTO na facção COMANDO VERMELHO.  Ressaltou que no momento em que a força policial adentrava ao recinto o próprio vereador entrava e visualizava todos os mototaxistas com seus cadastros em mãos. 

Mais fichas de cadastramento da facção criminosa

Quando indagado pela autoridade se ele sabia do que se tratava, o mesmo informava que ali estava a fim de promover uma festa aos mototaxistas. Quando indagado sobre o cadastro do CV, o mesmo não soube informar os motivos e se fez de desentendido. Deixou a entender que ali estivesse para realizar o tal cadastro. Informou o oficial ainda que a sede campestre DGA, PERTENCE AO GORDO DO AURÁ.

Que todos os que estavam presentes e que havia realizado cadastro,  foram qualificados (nome, endereço, RG, Data Nascimento e telefone). Alem disso, 02 (dois) mototaxistas foram identificados com motos "clonadas" e conduzidos a Seccional da Cidade Nova. 04 (quatro) foram conduzidos para averiguação em função de seus nomes constarem com Prisões Preventivas ou estarem com Alvará. 

Que também o vereador foi conduzido a fim de prestar depoimento sobre as circunstâncias que o motivaram a realizar tal reunião na sede de sua propriedade."


9 comentários:

  1. Carlos Mendes é muito preocupante essa situação. O crime organizado chegou pra ficar, graças à inércia, à leniência, ao descaso do poder público. Enquanto o crime ficava restrito à periferia, tudo certo. Mas os caras "descobriram" Umarizal, Nazaré, Batista Campos...
    Parabéns pelo blog, já veio pros Favoritos!

    ResponderExcluir
  2. Marco Paulo, obrigado por engrossar a leva de novos leitores do blogue. Mais do que ler, participar e opinar é o que mais desejamos. Volte sempre. Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu pergunto: qual é o projeto ou ação emergencial proposta pelo governo do estado para o enfrentamento da criminalidade organizada?

      Excluir
  3. O governo do jatene se revelou como fraco, frouxo é omisso. Agora a criminalidade organizada impõe seu respeito e poder

    ResponderExcluir
  4. Falando em Governador, cadê ele? Nunca mais vi, pensei até que o Pará não tivesse governador.

    ResponderExcluir
  5. As ações de combate ao crime, organziado ou não, têm sido cosméticas e nada resolvem. Os criminosos sabem disso e tocam o terror.

    ResponderExcluir
  6. Esse vereador antes de se eleger chegou a ser denunciado e detido por suspeita de trafico de drogas!

    ResponderExcluir
  7. Sabemos que quem comanda há tempos a criminalidade no Brasil são os bandidos de colarinho branco infestados nas câmaras municipais, estaduais, federais e até no senado.
    A falta de segurança em que vivemos está intimamente ligada ao propósito de nada fazer dos gestores, pois se isso for de fato a fundo, vão descobrir que tem muita gente graúda "ganhando" com a onda de violência e insegurança.
    Abraços querido Carlos Mendes!!!

    ResponderExcluir