INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL

Linha de Tiro - 19/04/2018

terça-feira, 24 de abril de 2018

GRAVAÇÃO DE PM ALERTA SOBRE CRIMINOSOS:" SE ACABAR COM A TROPA E A CORPORAÇÃO, VÃO CHEGAR NO JUDICIÁRIO"



Se você clicar em cima do áudio no final desta matéria, ouvirá um desabafo. Sim, um desabafo de um policial militar cansado, tenso e desacreditado nas autoridades da segurança pública. 

Ele lamenta a covardia que domina alguns coronéis, comandantes de batalhões da PM paraense, que não recebem apoio do comando-geral, da Segup ou do próprio governo, para alertar os militares que todos os dias saem às ruas no combate aos criminosos, mas que não recebem qualquer atenção do Estado ou proteção para eles e suas famílias.

Na gravação, obtida pelo Ver-o-Fato, o militar  faz elogios ao "coronel Ulisses", afirmando que este está de parabéns, pois é o único oficial de patente que convoca seu batalhão e unidade  para fazer busca de papa-mike (nome dado a PMs que fazem busca de criminosos em sua área de atuação)".

O Ver-o-Fato apurou que o "coronel Ulisses", na verdade, é o tenente-coronel Ulisses Lobo, comandante do 10º Batalhão da PM, em Icoaraci. O militar possui um histórico de preocupações com seus subordinados, inclusive com a saúde de soldados, cabos e sargentos, estimulando-os a procurar ajuda médica quando estão doentes ou tensos.

"Os outros (comandantes) são todos covardes, porque têm medo de reagir", diz o militar na gravação, intitulando-se ele próprio um "papa-mike". E faz um alerta aos companheiros que estão nas ruas: " observem bem que hoje se nós não se unir (sic), assim como se tombar toda a tropa, e eu quero dizer pra todos os oficiais da PM e vocês, que nós, morrendo, vocês (oficiais) são os próximos".

E continua a gravação: " se acabar com a tropa e a corporação, vai chegar no Judiciário, é o que está acontecendo, entendeu? E a gente ainda está dando mole: sargento Brasil, Rômulo, mais um sargento (mortos). Pessoal, só estão prendendo ladrão de celular. Tem que dar resposta, pô. Esse povo (matadores de PMs) está precisando de resposta".

Nessa mesma linha de crítica, o militar afirma que o "secretário de Segurança está brincando" e indaga se estão com medo do secretário de segurança. "Nós somos policiais, e independente de sermos policiais somos seres humanos, nós precisamos de segurança pública. Como é que não podemos mais sair, fazer nada, o que é isso? Que democracia é essa? Que porra de democracia é essa?"

O militar sobe o tom da indignação: "a gente está vigiando, mas precisa se manter (sic) vivo, mas pra se manter vivo é preciso fazer o que é certo. Se eles não querem se prontificar, vamos se prontificar (sic). Mas parabéns para o coronel aí ( Ulisses). Blá, blá, blá muitos falam (comandantes), se faz aquela reunião fechada e acabou".

"Tem medo que a tropa exploda. Não adianta, comandante ( ele se refere ao comandante-geral), a tropa uma hora dessas vai explodir, ninguém aguenta mais isso, não". 

Baixe o áudio e ouça a íntegra da gravação, aqui: 

Áudio: Ameaças X Reação


CRIME ORGANIZADO DEITA E ROLA: PM DA RESERVA E EX-GUARDA SEQUESTRADOS E MORTOS EM MARITUBA


A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé e óculos de sol
Alexandre era guarda municipal 
Reginaldo, sargento da reserva da PM


O Pará foi definitivamente ocupado pelo crime organizado e não há limites para a atuação desses grupos, cada vez mais ousados e cruéis, seja contra civis ou militares. Na madrugada desta terça-feira, moradores de Marituba foram alertados para dois corpos do sexo masculino, com fortes sinais de tortura e tiros na cabeça, na rua Cerâmica.

O ex-guarda municipal Alexandre Nascimento, e o sargento da reserva da Polícia Militar, Reginaldo foram identificados como as vítimas dos criminosos. Os dois, que faziam "bicos" no município, saíram para trabalhar e não voltaram às suas residências.

As informações chegadas ao Ver-o-Fato dão conta de que Alexandre e Reginaldo teriam sido sequestrados pelos bandidos, torturados e executados friamente. A polícia abriu inquérito para investigar os crimes. A Polícia Militar está em diligência para localizar e prender os assassinos.
 
Quantos civis e militares estão na mira dessas organizações criminosas? Resposta: não sabemos. O que sabemos dizer é que o Pará chegou ao fundo do poço da insegurança pública.
 
É a lei do salve-se quem puder. Ou souber.
 

PROMOTOR MILITAR ABRE INQUÉRITO CONTRA COMANDANTE-GERAL DA PM E COBRA RESPOSTAS PARA MORTES DE POLICIAIS

Coronel Benigno não respondeu ao ofício de Brasil. (foto Agência Pará)

O promotor de Justiça Militar, Armando Brasil, abriu inquérito civil para investigar o aumento de crimes contra policiais militares. A decisão foi tomada ontem e veio em virtude de o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Hilton Benigno de Souza, não ter prestado ao Ministério Público os esclarecimentos solicitados por meio de ofício emitido no início do mês, pedindo esclarecimentos sobre as investigações que apuram a violência contra policiais na grande Belém.

No último dia 13, Brasil havia dado prazo de 72 horas ao Comando Geral da PM para que prestasse os seguintes esclarecimentos: 1) Quais providências estão sendo adotadas pelo comando no sentido de salvaguardar a integridade física dos policiais militares, fora de serviço e de seus familiares?
 
2) Se há necessidade de manutenção de policiamento em trailler, bem como esclareça qual a sua efetividade. 3) Quantas munições e carregadores de pistola são pagas aos policiais militares que integram o efetivo de área? 4) Qual a cota de combustível paga às viaturas empregadas em serviço da PM, bem como se a respectiva cota é suficiente para o cumprimento da missão constitucional da Polícia Militar?
 
Brasil declarou ao Ver-o-Fato que está "muito preocupado com a violência cada vez maior que mantém a população paraense refém do medo e da insegurança". No caso dos policiais militares, o promotor foi incisivo: "esses policiais também estão expostos à violência desmedida e perdendo suas vidas nas ruas. São eles vítimas de uma disfunção social já saindo do controle".
 
Segundo o promotor, o inquérito civil tem o intuito de investigar e "dar as respostas cabíveis sobre o crescimento da violência contra os policiais militares em todo o Pará”. Também quer esclarecer a situação para decidir a proposta ou não de uma ação de improbidade administrativa contra o Governo do Estado para que as providências sejam adotadas.


"O Estado precisa garantir a segurança mínima ao policial para que ele possa promover a segurança da sociedade", resumiu Brasil. Mas, assinala, "não existe um programa para retirar o policial da área de risco e ele acaba integrando a comunidade onde atuam os criminosos, correndo riscos. Ele e a família".


E mais: "a Polícia precisa ser repensada, precisa de tecnologia e um plano para combater o crime especializado". "A ideia é discutir e pensar como podemos melhorar esse quadro - aumentar o efetivo, melhorar a estrutura, mais viatura, mais armamento".
 
Veja a íntegra do documento de abertura do inquérito civil contra o comando da PM, uma vez que o coronel Benigno ignorou o ofício com as perguntas sobre as condições em que trabalham os militares nas ruas da Grande Belém:
 

 

segunda-feira, 23 de abril de 2018

SECRETÁRIO KLEBER MENEZES E SEU DIRETOR DENUNCIADOS POR LICITAÇÃO IRREGULAR DE R$ 18 MILHÕES

Kleber Menezes fabricou "urgente situação" para favorecer empresas, diz MP
O secretário estadual de Transportes, Kleber Ferreira de Menezes, o diretor-técnico de Transportes da secretaria, Paulo Mariano Soares de Oliveira, e as empresas Terraplena Ltda e Engeterra Construções foram denunciadas à justiça, por improbidade administrativa praticada em licitações na escolha de empresas para a pavimentação asfáltica de trechos da rodovia PA-150.

"É DENÚNCIA DESCABIDA", DIZ HELDER BARBALHO, SOBRE MANIFESTAÇÃO DO MINISTÉRIO PÚBLICO


A respeito da decisão tomada no dia 23 de março passado pela promotora de justiça de Marituba em exercício, Marcela Christine Ferreira de Melo, de pedir ao juizo da comarca que remeta para o Supremo Tribunal Federal (STF) investigação sobre suposta ligação do ex-ministro Helder Barbalho e pré-candidato ao governo do Pará com a empresa que administra o lixão que inferniza a vida dos moradores daquele município, Barbalho enviou nota ao Ver-o-Fato, rebatendo os termos contidos na manifestação do Ministério Público. Eis a nota de Helder Barbalho, na íntegra:

UFA! A GREVE TERMINOU

Os rodoviários decidiram suspender a greve que há cinco dias paralisou o transporte coletivo na região metropolitana de Belém. Em assembleia geral, eles aceitaram, mesmo sob reclamações, a proposta de acordo apresentada pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT-8) e Ministério Público do Trabalho (MPT). 

HELDER É CITADO EM GRAVAÇÕES QUE ENVOLVEM LIXÃO DE MARITUBA E MP PEDE QUE STF JULGUE O CASO

Helder Barbalho não tem mais foro privilegiado
O Ministério Público do Pará pediu à Vara Criminal de Marituba que o processo de crimes ambientais no aterro sanitário da cidade saia do Tribunal de Justiça do Estado para o Supremo Tribunal Federal (STF). O motivo da solicitação é uma novidade nas investigações. O ex-ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, é citado nas interceptações telefônicas da operação Gramacho, que investiga os danos causados pelo lixão na região metropolitana de Belém. 

DESEMBARGADOR PEDE QUE GREVE ABUSIVA SEJA PENALIZADA COM INDENIZAÇÃO DE R$ 29 MILHÕES POR DANO COLETIVO

Napoleão Velloso, desembargador do TRT8: " lesão ao interesse coletivo"


O desembargador do Trabalho da 8ª Região, Gabriel Napoleão Velloso Filho, a propósito da greve que há cinco dias mantém totalmente paralisado o transporte coletivo na região metropolitana de Belém, prejudicando 2 milhões de pessoas, foi taxativo em entrevista ao jornal "O Estado de São Paulo" e ao Ver-o-Fato: "é patente a lesão ao interesse coletivo. O cidadão não pode ser apenado, pagando até 20 reais para pegar um transporte alternativo".

domingo, 22 de abril de 2018

VOCÊ É O RESPONSÁVEL POR ISTO: O VER-O-FATO ALCANÇA 3 MILHÕES DE ACESSOS



O Ver-o-Fato, às 18h09 deste domingo, 22 de abril de 2018, atingiu a marca de 3 milhões de acessos, cerca de 35% deles de internautas residentes fora do Pará. Para quem está com apenas 2 anos e 9 meses de existência, o número de pessoas que acessou a página deste blogue-site é digno de alegria. 

"FIQUE TRANQUILO, NÃO FAREMOS NADA COM O SENHOR, O QUE LEVAREMOS PERTENCE AO ESTADO"

A viatura Hilux, além das armas, foram levadas pelos bandidos

Três homens armados e encapuzados renderam o vigilante do Instituto Médico Legal de Tucuruí IML de Tucuruí e realizaram um assalto neste último sábado, 21 de abril, por volta das 23:30. De acordo com a direção do IML cerca de 30 a 40 armas foram levadas pelos criminosos, além de uma viatura Hilux da Perícia Criminal do Centro de Perícias Científicas CPC.

JUIZ AUTORIZA 42 TESTEMUNHAS NO PROCESSO DO "QUADRILHÃO DO MDB"


Geddel, Cunha, Loures e Alves: turma da pesada no alvo da Justiça

O juiz da 12ª Vara da Justiça Federal em Brasília, Marcus Vinicius Reis Bastos, acolheu pedido do Ministério Público Federal e autorizou o depoimento de 42 testemunhas no processo contra integrantes do chamado “Quadrilhão do MDB” da Câmara dos Deputados.  Entre os réus nesse caso estão os ex-presidentes da Câmara Eduardo Cunha (MDB-RJ) e Henrique Eduardo Alves (MDB-RN), o ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA) e o ex-assessor da Presidência da República Rodrigo Rocha Loures.

CANDIDATOS NA SECURA: MEDO DE ESCÂNDALOS RELACIONADOS À LAVA JATO INIBE DOAÇÕES DE ELEITORES

A sombra da maior operação contra corruptos afugenta doadores

O medo de ter o nome associado a um escândalo de corrupção e o atual cenário de crise econômica devem fazer com que executivos e funcionários de grandes empresas evitem apoiar financeiramente um candidato. “Pelo que eu tenho conversado, os acionistas e executivos de grandes empresas não estão dispostos a participar desse processo”, disse o presidente da Confederação Nacional de Indústrias (CNI), Robson Andrade.

sábado, 21 de abril de 2018

SÃO FÉLIX DO XINGU: PRESOS 2 PISTOLEIROS QUE MATARAM ADVOGADO A MANDO DE FAZENDEIROS FORAGIDOS

Eles mandaram matar o advogado para não pagar multa ambiental
O delegado-geral Cláudio Galeno explica a advogados detalhes das 2 prisões

Os pistoleiros presos já estão em Belém. Josoé Oliveira Barros, de apelido "Zé Barrão", e Francisco Mendes de Oliveira, conhecido por "Pitbull", mataram o advogado Mário Pinto da Silva, crime ocorrido em 7 de novembro do ano passado, em São Félix do Xingu, no sul do Pará. Os dois foram presos por policiais civis de Altamira e transferidos para Belém por policiais da Divisão de Homicídios, responsável pelas investigações do crime.

ENTRE OS INTERESSES DE PATRÕES E EMPREGADOS, QUEM PAGA O PATO SEM ÔNIBUS É A POPULAÇÃO DE BELÉM

Desembargador Vicente Malheiros votou pela abusividade da greve. Foto TRT8


A greve é um direito legítimo do trabalhador e deve ser deflagrada, ou mantida, quando fracassam todas as tentativas de negociação entre patrões e empregados, até mesmo a mediação feita pela Justiça do Trabalho. No caso da greve dos rodoviários de Belém, Ananindeua e Marituba, a porta das negociações não foi fechada. Elas poderiam avançar para que se chegasse ao objetivo de contemplar as reivindicações de motoristas e cobradores, que exigem reposição salarial e implantação da biometria nos finais das linhas de ônibus, além de outros pedidos. 

sexta-feira, 20 de abril de 2018

O QUE FALTA PARA PRENDER GENTE DA HYDRO? MP PEDE INQUÉRITO PORQUE EMPRESA FORNECE ÁGUA CONTAMINADA EM BARCARENA



O Ministério Público do Pará (MPPA), por meio dos promotores de Justiça Laércio Abreu, Eliane Moreira, Daniel Barros e Bruno Saravalli - requisitou na tarde desta sexta-feira a instauração de inquérito policial para apurar a responsabilidade sobre a água em condições impróprias que está sendo fornecida a moradores de Barcarena pela empresa Hydro Alunorte por meio de carro-pipa.

GREVE DOS RODOVIÁRIOS É ABUSIVA E JUSTIÇA DO TRABALHO QUER ÔNIBUS NAS RUAS ÀS 4 DA TARDE

A desembargadora Francisca Formigosa, durante tentativa de acordo no TRT8

A greve do Sindicato dos Rodoviários, que paralisou o transporte de mais de 2.800 ônibus na região metropolitana de Belém, prejudicando cerca de 2 milhões de pessoas, foi declarada abusiva por decisão unanime dos desembargadores da Justiça do Trabalho da 8ª Região. Com isso, a determinação da Justiça é de que os ônibus voltem a circular a partir das 16 horas desta tarde de sexta-feira, sob pena de multa de R$ 10 mil contra o sindicato. 

TRABALHO INFANTIL E ESCRAVO NO PARÁ SUPERA ÍNDICES NACIONAIS: REGIÃO DE CARAJÁS CONCENTRA AS DUAS PRAGAS

Adultos e crianças sob duas formas de escravidão em nosso estado

Duas pragas sociais que atormentam o Pará e o colocam na condição de estado ainda subdesenvolvido no índice de desenvolvimento humano: trabalho infantil e escravo. E a região de Carajás, que compreende 39 municípios do sudeste paraense, detém números vergonhosos - inclusive acima da média nacional - a reclamar um combate mais efetivo das autoridades, principalmente do executivo, que nada faz.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

MILÍCIAS, CHACINAS, MORTE DE PMs, A VIOLÊNCIA NO PARÁ. HOJE, AO VIVO, NO "LINHA DE TIRO"

 
Promotor militar Armando Brasil

Conhecido pela seriedade e rigor na condução de sua atividade profissional, o promotor de Justiça Militar, Armando Brasil Teixeira, é o convidado desta quinta-feira à noite no programa "Linha de Tiro", que é ao vivo, de 8 às 9, com exibição pelo Facebook e na página do Ver-o-Fato.

Morte de PMs no Pará, seja em serviço ou fora dele, nas mãos de bandidos, os crimes envolvendo militares; a atuação de milicias, as chacinas impunes. Enfim, a violência que não poupa ninguém,  além de outros temas.

CASO DOS CONCURSADOS: JUIZ VAI ANALISAR PEDIDO DE INSPEÇÃO JUDICIAL NO TCE-PA

O cerco começa a se fechar cada vez mais em cima do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PA), que se esconde atrás de monumental enrolação para não admitir em seus quadros quase 100 concursados aprovados em concurso público, em 2016. Ao mesmo tempo, o órgão mantém desvio de função de comissionados, que fazem o serviço que seria de competência de analistas aprovados no concurso.

JUIZ LAURO ALEXANDRINO INDEFERE MANDADO DE SEGURANÇA DE PREFEITO CASSADO EM IGARAPÉ-MIRI

O mandado de segurança impetrado pelo prefeito de Igarapé-Miri, Ronélio Antonio Rodrigues Quaresma , o "Toninho Peso Pesado", contra a cassação do mandato dele pela Câmara Municipal, em fevereiro passado, foi indeferido ontem pelo juiz daquela comarca, Lauro Alexandrino Santos. 

A suposta demora no julgamento desse mandado é que teria motivado uma representação do prefeito contra o juiz no Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e cuja matéria foi publicada ontem pelo Ver-o-Fato. O mandado, porém, teve divulgada sua decisão no final da tarde e só hoje pela manhã seu conteúdo foi obtido pelo blogue. 

quarta-feira, 18 de abril de 2018

FERVE A BRIGA PELO PODER EM IGARAPÉ-MIRI: PREFEITO VAI AO CNJ CONTRA JUIZ E DIVULGA ÁUDIOS

Pessoal de combate à corrupção e improbidade do MP na frente da prefeitura

O poder municipal em Igarape-Miri está em ebulição. Dois prefeitos, um titular, Ronélio Antonio Quaresma, o "Toninho Peso Pesado" (MDB), afastado, e outro vice, Antoniel Miranda (PEN) na interinidade do cargo desde dezembro passado estão no centro da disputa. 


Na briga entre os dois - onde também pontifica o presidente da Câmara Municipal do município, Ney Pantoja -, o nome do juiz da comarca, Lauro Alexandrino Santos, aparece numa representação com pedido de providências contra o magistrado ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ). O autor é o prefeito afastado "Toninho Peso Pesado".

JUIZ AFASTA PREFEITO DE IGARAPÉ-MIRI, QUE ENCHEU PREFEITURA DE TEMPORÁRIOS E ATRASOU SALÁRIOS

"Toninho Peso Pesado, do PMDB, mais uma vez na mira do Judiciário"

O juiz de Igarapé Miri Lauro Alexandrino Santos, acatou pedido do Ministério Público do Estado do Pará (MPPA), por meio do promotor de Justiça Daniel Menezes Barros, e determinou o afastamento do prefeito de Igarapé Miri, Rónelio Antônio Rodrigues Quaresma, o "Toninho Peso Pesado", e do secretário Municipal de Educação do município, Raimundo Barbosa Melo.

terça-feira, 17 de abril de 2018

ENFIM, AÉCIO NEVES, ACUSADO DE CORRUPÇÃO E OBSTRUÇÃO DE JUSTIÇA, VIRA RÉU NO STF

Aécio diz que dinheiro que recebeu era "empréstimo". Não colou

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (17) receber a denúncia contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por suposta prática de corrupção passiva e obstrução de Justiça. Com isso, o senador será transformado em réu pela primeira vez. 

Por unanimidade, os cinco ministros da turma (Marco Aurélio Mello, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux, Rosa Weber e Alexandre de Moraes) admitiram a abertura de processo por corrupção e, por 4 votos a 1, por obstrução de Justiça – neste caso, o único voto contrário foi o de Alexandre de Moraes. 

A ARTE ALGEMADA




Euclides Farias - jornalista


Uma das imagens marcantes do dia foi essa. Um quadro exposto num shopping de Belém. Passei o dia trabalhando e, vez por outra, era lembrado por amigos da imagem que tanto mexeu com a imaginação das pessoas.

Não recebi nenhuma mensagem coincidindo com a ideia de um grupo de oficiais da Polícia Militar que esteve no shopping para pedir, com sucesso, o embargo da obra, arrancada da contemplação pública por supostamente fazer apologia à violência policial e com isso ofender a instituição bicentenária.

DESPREZO E DESCASO: HYDRO, QUE ENVENENOU BARCARENA, ESCOLHE QUEM DEVE RECEBER ÁGUA

A Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Pará, presidida pelo deputado estadual Carlos Bordalo (PT), realizou nesta segunda-feira (16), na Sala Vip da Alepa, uma reunião com representantes de associações comunitárias e quilombolas, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Defesa Civil e órgãos da gestão municipal de Barcarena, para discutir a abrangência das ações de assistência social para as famílias atingidas pelos desastres ambientais no município.

segunda-feira, 16 de abril de 2018

CONSELHO NACIONAL DO MINISTÉRIO PÚBLICO PROCESSA PROMOTORES DE JUSTIÇA DO PARÁ POR ASSÉDIO SEXUAL E MORAL



A caixa-preta de assédio sexual e moral - que, aliás, ocorre dentro da instituição não é de hoje - foi aberta no Ministério Público do Pará (MPPA) após denúncia feita pelo sindicato dos servidores ao Conselho Nacional do MP (CNMP), que não passou a mão na cabeça de ninguém. As providências já foram tomadas, com a abertura de procedimento administrativo disciplinar, o famoso PAD, contra quatro promotores, sendo um deles de Belém e outros três lotados na comarca de Ananindeua.

domingo, 15 de abril de 2018

NAZILDO, LÍDER QUILOMBOLA DO ACARÁ E ACUSADO DE INVADIR TERRAS DA BIOPALMA, É MORTO A TIROS

O corpo da liderança quilombola Nazildo dos Santos Brito foi encontrado na manhã deste domingo (15), no ramal da Roda D'água, zona rural do município de Acará, nordeste do Pará. A vítima estava na casa de uma familiar na noite anterior, mas após receber uma ligação saiu e a caminho de sua residência. 

Um parente de Nazildo encontrou o corpo da vítima no início da manhã deste domingo com marcas de tiros nas costas e na cabeça. A vítima já foi presidente da Associação de Moradores e Agricultores Remanescentes Quilombolas do Alto Acará. O caso foi registrado na delegacia de Quatro Bocas. 

PRISÃO DE LULA E DECADÊNCIA DO PSDB ENCERRAM POLARIZAÇÃO DE DUAS DÉCADAS NA POLÍTICA





A jornalista Vera Magalhães, em sua coluna deste domingo no Estadão, aborda um tema do qual PSDB e PT fogem para não encarar a dura realidade que ambos se recusam a ver. Sem Lula, na cadeia, o PT não tem ninguém de peso para encarar um disputa à presidência da República, limitando-se a viver do passado e de mantras em torno de Lula.

Já o PSDB, não passa de um quatrocentão decadente, cujo discurso não engana mais a ninguém. É um partido que, apesar dos escândalos em que se envolve, mantém a pose e o discurso furado da honestidade. 

sábado, 14 de abril de 2018

EXCLUSIVO - BURACOS DA BR-163 TAPADOS COM PEDRA E TERRA POR EMPRESA QUE MUDOU DE NOME E GANHOU LICITAÇÃO DE R$ 21 MILHÕES DO DNIT



Tem coisa muito errada na manutenção de um trecho de 68 quilômetros da rodovia BR-163 (Cuiabá-Santarém) próximo da cidade de Novo Progresso, na fronteira do Pará com Mato Grosso. A suspeita é de favorecimento a uma empresa de nome Três Irmãos, com sede em Cuiabá.

Ela asfaltou o trecho, hoje totalmente esburacado, mudou de nome, após pedir recuperação judicial, e habilitou-se, na licitação do Departamento Nacional de Infraestrutura (DNIT), a fazer a manutenção da estrada, tapando os buracos que ela mesmo deixou. A "obra" iniciou no começo deste ano e deve encerrar o trabalho no começo de 2019.

A CRISE DOS IMPRESSOS: O FUTURO NÃO É MAIS COMO ERA ANTIGAMENTE


Jorge Reis - consultor em mídias sociais



Estamos observando a crise dos meios impressos no mercado publicitário. Revistas fechando, não sem antes serem tele transportadas para o mundo virtual como uma simples adaptação, quando necessário seria passar por uma profunda transformação. Logo desapareceram. 
O mesmo acontece com os jornais que não conseguiram se adaptar a um novo mundo - digital – ainda se comportando como mídia principal, dando manchetes como se um fato importante acabasse de acontecer, mas que o digital já deu horas antes, exaurindo a novidade. Isso me faz lembrar quando os Jogos Olímpicos foram realizados na Austrália em 2000. 

sexta-feira, 13 de abril de 2018

O HUMOR PARAENSE QUE NEM O CARRO PRATA MATA



O cara passa anos fora de Belém, viaja de barco, vira náufrago no Marajó, e mora em Muaná, mas encontra dois barqueiros perdidos e pede para voltar à capital onde nasceu. 

So rindo mesmo, como faz o Canal Pavulagem, para suportar essa onda sombria de criminalidade que se abate sobre o Pará.

UNIMED E PORTO DIAS: UMA DUPLA QUE SÓ PENSA NO LUCRO E SE LIXA PARA A VIDA HUMANA

O internauta Marcus Benedito narra na página dele no Facebook um fato que, no dia a dia, já vem se tornando quase comum nos associados da Unimed Belém que buscam atendimento no hospital Porto Dias. O Ver-o-Fato aborda o assunto aqui, reproduzindo o desabafo de Marcus pelo que fizeram com a mãe, para que coisas desse tipo - desumanidade misturada com burocracia, arrogância e desleixo - não se repitam. Veja o relato:

MATÉRIA DA FOLHA DESMENTE GOVERNO DO PARÁ SOBRE MORTES EM PRESÍDIO: QUEM FALA A VERDADE?

Penitenciária de Santa Isabe: aqui, 21 mortos. Foto Thiago Gomes
Outra guerra - a de versões, ou tergiversações, sobre as mortes na penitenciária de Santa Isabel - agora está declarada. A edição de hoje do jornal "Folha de São Paulo" diz o que segue abaixo, inclusive com a nova versão do governo de Simão Jatene. Leia, abaixo:

""Um cruzamento feito pela "Folha" entre as fichas cadastrais do sistema penitenciário e a lista de mortos em presídio da Grande Belém derruba parte e coloca em xeque outros pontos da versão oficial do governo do Pará sobre a tentativa de fuga que terminou com 22 mortos na última terça (10). 

A BARBÁRIE À ESPREITA




Euclides Farias - jornalista

"Fui repórter de polícia, como a maioria dos jornalistas iniciantes, brigando pela notícia no dia a dia das ruas de Belém com as feras do jornalismo policial da época. Meu parceiro de O Liberal era o lendário Ítalo Gouvêa. Nossos principais concorrentes eram os radialistas Adamor Filho e Amauri Silveira e o jornalista Tampa de Bilha, d'A Província do Pará. Uma escola da pesada.

quinta-feira, 12 de abril de 2018

VIOLÊNCIA NAS RUAS, INTERVENÇÃO FEDERAL NO PARÁ, ELEIÇÕES 2018 E HYDRO. TUDO, HOJE À NOITE NO "LINHA DE TIRO"

O antropólogo Manoel Alexandre Cunha, da Universidade Federal do Pará (UFPA), é o convidado desta noite do programa "Linha de Tiro", que começa às 8 e vai até às 9. Ele vai falar sobre violência, segurança pública e pedido de intervenção federal militar neste setor paraense diante da exacerbada criminalidade que domina o Estado. 

TRIBUNAL FEDERAL MANDA PARÁ PIGMENTOS COMPENSAR ÍNDIOS TEMBÉS POR IMPACTO AMBIENTAL DE MINERODUTO


As minas de caulim, em Ipixuna: índios cobram compensações


O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) determinou ontem (11), que a empresa Pará Pigmentos  - leia-se Imerys Rio Capim, sua dona - cumpra termo de compromisso celebrado com indígenas para dar continuidade ao programa de minoração de impacto da construção e manutenção de um mineroduto, sob pena de suspensão da licença ambiental. A decisão foi unânime após três horas de julgamento. Os pedidos foram feitos pelo Ministério Público Federal (MPF) e pela Fundação Nacional do Índio (Funai).

FISCAIS DA LEI INGRESSAM COM AÇÃO CAUTELAR CONTRA CRIMES DA HYDRO EM CAUSA DE 1 BILHÃO DE REAIS

O Ministério Público entrou na Justiça Federal nesta terça-feira (10) com ação cautelar em que pede decisão urgente para garantir a suspensão parcial das atividades da Hydro Alunorte e obrigar a refinaria de alumina a prestar atendimento emergencial às comunidades impactadas por despejos irregulares de resíduos tóxicos resultantes das atividades da empresa, localizada em Barcarena, no nordeste do Pará. Acesse aqui a íntegra da ação.

E O MICHEL TEMER, HEIN? CONTINUA CALADO E INDIFERENTE SOBRE TSUNAMI DE CRIMES NO PARÁ

A violência fede por todo canto do Pará e Temer não está nem aí

O presidente Michel Temer manteve silêncio público e não se pronunciou oficialmente até agora sobre a onda de assassinatos em Belém, que vitimou 33 pessoas desde segunda-feira (09), diz matéria de hoje do jornal "Folha de São Paulo". 

A demora não se verificou, por exemplo, no ataque terrorista a uma boate em Orlando, em 2016, e na morte do ex-presidente português Mário Soares, em 2017. Ele lamentou no mesmo dia os episódios.

quarta-feira, 11 de abril de 2018

AO PEDIR A TEMER INTERVENÇÃO MILITAR NA SEGURANÇA DO PARÁ, DEPUTADOS AFIRMAM QUE ESTADO "É REFÉM DE CRIMES" E TERRA "SEM LEI"


Os deputados federais Elcione Barbalho e Eder Mauro pediram hoje ao presidente da República, Michel Temer, intervenção federal na segurança pública do Pará, alegando que a onda crescente de violência, que inclui matanças, chacinas e motins em presídios revelam que o Estado perdeu o controle sobre a criminalidade. Eles querem que o Exército e a Força Nacional de Segurança comandem o processo de intervenção.

PROCURADOR FELÍCIO PONTES RECEBE EM BRASÍLIA INDIOS XICRIN IMPACTADOS PELOS PROJETOS POLUENTES DA VALE

Felício disse aos líderes Xicrins estar preocupado com o que ocorre no Pará


“Este é um momento decisivo para os Xikrin”, avaliou o procurador regional da República Felício Pontes Jr. ao receber mais de 150 indígenas de todas as idades na Procuradoria Regional da República da 1ª Região (PRR1), ontem em Brasília. Durante a reunião, representantes da comunidade manifestaram preocupação com três empreendimentos da mineradora Vale que causam impacto aos Xikrin no Pará: a estrada de ferro Carajás, e os projetos S11D e Onça Puma. 

terça-feira, 10 de abril de 2018

MAS QUE DIABO ESTÁ ACONTECENDO NO PARÁ? 23 MORTES NA PENITENCIÁRIA DE SANTA ISABEL

 


Vinte e três pessoas morreram na tarde desta terça-feira (veja acima o vídeo do tiroteio) durante tentativa de fuga em massa do Centro de Recuperação Penitenciário do Pará III (CRPP III), no Complexo Prisional de Santa Izabel, na região metropolitana de Belém. De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Segup), um agente penitenciário foi morto e outros 22 presos e pessoas suspeitas de dar cobertura aos detentos também foram assassinadas na troca de tiros. 

EM BELÉM, 12 EXECUÇÕES EM 5 HORAS: A ESTATÍSTICA MACABRA DE UM GOVERNO INEPTO

Um PM é morto a cada 5 dias. E já são 1.100 mortes violentas em 2018.

Sob um governo incapaz de oferecer qualquer resposta minimamente aceitável sobre o caos em que mergulhou a segurança pública no Pará, onde civis e militares são mortos diariamente com requintes de execução sumária - numa guerra onde a marca sangrenta que se sobressai é a da barbárie - a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup) limita-se apenas em confirmar o que o Instituto Médico Legal (IML) já sabe: ocorreram 12  mortes em uma onda de assassinatos na segunda-feira (9) após a morte de um policial militar na Grande Belém. 

OPERAÇÃO DO MP E POLÍCIA DESMONTA ESQUEMA DE CORRUPÇÃO E PRENDE EX-PREFEITO DE SÃO FÉLIX DO XINGU

Ex-prefeito João Cleber foi preso na casa dele
Na manhã desta terça-feira foi deflagrada a “Operação Tetrarca”, cuja investigações versam sobre crimes de desvios de recursos públicos e corrupção praticados por organização criminosa no município de São Felix do Xingu, no sul do Pará. A Polícia Civil e o Ministério Público Estadual cumpriram dez mandados judiciais, sendo quatro de prisão preventiva e seis de busca e apreensão. 

JUSTIÇA MANDA HYDRO DEPOSITAR R$ 150 MILHÕES EM JUÍZO POR DANOS CAUSADOS EM BARCARENA

Os peixes morreram e a contaminação domina tudo. Foto Pedrosa Neto/Amazônia Real

A Justiça deferiu pedido protocolado por meio de ação civil pública, pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) e determinou à Hydro que deposite R$ 150 milhões de caução ao Estado pelos danos ambientais causados em Barcarena. O despacho foi expedido ontem pelo juiz Emersom Benjamin Pereira de Carvalho, da 1ª Vara Cível e Empresarial do município.

ACORDO SALARIAL NÃO CUMPRIDO LEVA ANALISTAS TRIBUTÁRIOS DA RECEITA FEDERAL A ENTRAR EM GREVE

Em Belém, a assembleia decidiu seguir a orientação de paralisação por 72 horas


Analistas tributários da Receita Federal aprovaram por ampla maioria de votos a realização de greve que começa hoje e vai até o dia 12 em todo o país. A decisão foi tomada em Assembleia Geral Nacional Unificada realizada pela categoria. Em Belém, a paralisação começou às 8 da manhã desta quarta-feira.

domingo, 8 de abril de 2018

NOTA DO INSTITUTO EVANDRO CHAGAS

O Instituto Evandro Chagas (IEC) é um órgão que faz parte do Ministério da Saúde do Brasil. Nos últimos 25 anos, a Seção de Meio Ambiente do IEC (SAMAM/IEC) vem atuando na vigilância em saúde ambiental na Amazônia e, quando acionada, em outras regiões do país.

As análises do IEC seguem parâmetros reconhecidos internacionalmente em precisão e confiabilidade e dentre os métodos utilizados no IEC inclui-se a Espectrometria de Massa Acoplado com Plasma Induzido (ICP-MS) em ambiente de sala limpa, condição que estabelece alta qualidade e segurança nos resultados.

quinta-feira, 5 de abril de 2018

MORO DECRETA PRISÃO DE LULA E DÁ PRAZO ATÉ AMANHÃ PARA ELE SE ENTREGAR À PF

Moro quer Lula até às 17 horas de amanhã na sede da PF, em Curitiba

O juiz federal Sérgio Moro deu prazo até esta sexta-feira, 6, ao ex-presidente Lula para se apresentar ‘voluntariamente’ à Polícia Federal em Curitiba, base da Operação Lava Jato. Em despacho desta quinta, 5, Moro estipulou a Lula que se apresente até às 17h.

“Relativamente ao condenado e ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, concedo-lhe, em atenção à dignidade cargo que ocupou, a oportunidade de apresentar-se voluntariamente à Polícia Federal em Curitiba até as 17:00 do dia 06/04/2018, quando deverá ser cumprido o mandado de prisão”, anotou.

DEPUTADO EDER MAURO HOJE À NOITE, AO VIVO, NO “LINHA DE TIRO”: INSEGURANÇA, CRIMES E VIOLÊNCIA NO PARÁ, O QUE FAZER ?


Eder Mauro vai tratar de temas que mexem e provocam discussões em todo o Pará

O tema polêmico, que está na ordem do dia – e deve agitar o debate na campanha eleitoral deste ano para o governo – é a segurança pública. E ele é o assunto de hoje à noite, de 8 às 9, do programa “Linha de Tiro”, ao vivo, com imagem e som, pelo Facebook, Youtube e também diretamente na página do blogue Ver-o-Fato
O convidado é o deputado federal Eder Mauro, que é também delegado de polícia. Além do jornalista Carlos Mendes, como mediador, o entrevistador de Eder Mauro será o jornalista e escritor Francisco Sidou.

STF NEGA HABEAS-CORPUS POR 6 A 5 E ABRE CAMINHO PARA PRISÃO DE LULA: AINDA RESTA EMBARGO DO EMBARGO

Lula chega em sua casa para assistir julgamento (Paulo Whitaker, Reuters)
Em um sessão tensa e que durou quase 11 horas, o Supremo Tribunal Federal (STF) negou, no início da madrugada desta quinta-feira, 5, por 6 votos a 5, o pedido de habeas corpus impetrado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e abriu caminho para a prisão do petista. 

quarta-feira, 4 de abril de 2018

RADIALISTA DE BELÉM, SECRETÁRIO, EMPRESÁRIOS E ADVOGADA SÃO PRESOS POR FRAUDES DE R$ 5,6 MILHÕES

A operação foi realizada na capital, em Altamira e Vitória do Xingu

O secretário de Administração de Vitória do Xingu, sudoeste do Pará, Joel Shiqueru Yamanaca, foi preso nesta quarta-feira (4) numa operação do Ministério Público do Pará (MPPA) e da Promotoria de Justiça de Altamira. Outras quatro pessoas foram presas em Belém. 

De acordo com o MPPA, os empresários Alberto Pereira de Souza Junior e Washington Luiz Dias Lima; o radialista Raimundo Nonato da Silva Pereira e a advogada Angélica Laucilena Mota Lima são investigados por fraudes em licitações no município. O prejuízo aos cofres da cidade, segundo o MPPA, ultrapassa R$ 5,6 milhões. 

ESTADO QUE DEU R$ 7,5 BILHÕES DE ISENÇÕES À HYDRO AGORA QUER R$ 250 MILHÕES POR CONTAMINAÇÃO EM BARCARENA

Ophir Cavalcante: indenização seria de R$ 1,6 mil por morador




A Procuradoria Geral do Estado (PGE) protocolou, na manhã desta terça-feira (3), na 1ª Vara Cível e Empresarial, na Comarca de Barcarena, Ação Civil Pública Ambiental em que busca a reparação dos problemas ocasionados pelo lançamento de águas pluviais não tratadas pela empresa Hydro em áreas localizadas próximas da refinaria, em Barcarena, no Pará.

SERVIDORA E ESTAGIÁRIA SÃO AGREDIDAS NA SEFIN E CASO VAI PARAR NA POLÍCIA, MAS NINGUÉM NADA FAZ


A carta publicada na semana passada aqui no Ver-o-Fato, de uma servidora da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin), da prefeitura de Belém, denunciando agressão contra servidora, assédio moral e más condições do prédio, além da falta de vigilância, parece não ter merecido nenhuma providência da prefeitura.

E chega outra denúncia, relatando que só neste ano ocorreram três casos - dois deles na ultima semana de março passado - de humilhações e agressões morais contra servidora e uma estagiária, ambas ainda muito abaladas e que foram à Seccional do Comércio registrar em BO a violência sofrida.

terça-feira, 3 de abril de 2018

JUSTIÇA CONDENA BANCO DA AMAZÔNIA A PAGAR R$ 75 MIL POR DESVIO DE FUNÇÃO

Uma decisão colegiada do Tribunal Superior do Trabalho (TST) acatou, por unanimidade, recurso apresentado pelo Ministério Público do Trabalho no Pará e Amapá (MPT/PA/AP), em processo contra o Banco da Amazônia (Basa) por desvio de função. 

segunda-feira, 2 de abril de 2018

CHEFE DO MP DO PARÁ QUER CASSAR APOSENTADORIA DE DESEMBARGADORAS DO TJ LIGADAS A GOLPE BILIONÁRIO NO BB

Gilberto Valente quer perda do cargo: "inatividade não pode ser prêmio"

Desde dezembro do ano passado, quando o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) condenou as desembargadoras paraenses Marneide Trindade Pereira Merabet e Vera Araújo de Souza à pena de aposentadoria compulsória, pela acusação de conduta negligente durante uma tentativa de golpe bilionário aplicada por uma quadrilha de estelionatários contra o Banco do Brasil (BB), as duas magistradas permanecem em casa, recebendo aposentadorias mensais em torno de R$ 34 mil.

CASO CERPASA: STJ JULGA NESTA QUARTA-FEIRA SE RECEBE DENÚNCIA DE CORRUPÇÃO CONTRA JATENE

Jatene: pedido negado pelo STF para trancar processo
Na próxima quarta-feira (4), a Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça decide sobre o recebimento de denúncia contra o governador do Pará, Simão Jatene (PSDB), acusado de corrupção passiva, supostamente cometida antes de ser governador, em 2002. A matéria é da "Folha de São Paulo", edição de hoje.

CASO AGROPALMA: PARA NÃO DIZER QUE ESQUECEMOS DAS FRAUDES


O Ver-o-Fato tem os documentos referentes a esta informação - e irá divulgá-los, nos próximos dias - publicada na edição de ontem de "O Liberal", na coluna Reporter 70. Claro que o jornal não possui os documentos, pois se os tivesse teria uma boa e inusitada estória para contar envolvendo a grilagem de terras públicas e privadas pela empresa Agropalma.