VER-O-FATO: BANCADA DO PARÁ EM BRASÍLIA: JOSÉ PRIANTE FOI QUEM MAIS ECONOMIZOU VERBA DE GABINETE; EDER MAURO, QUEM MAIS GASTOU

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

BANCADA DO PARÁ EM BRASÍLIA: JOSÉ PRIANTE FOI QUEM MAIS ECONOMIZOU VERBA DE GABINETE; EDER MAURO, QUEM MAIS GASTOU


O emedebista Priante restituiu R$ 212 mil de verba não utilizada
O pessedista Eder Mauro, em último lugar, devolveu R$ 3,6 mil

Saiu o ranking dos deputados federais do Pará que mais gastaram verba de gabinete - cota da atividade parlamentar - e também os que mais economizaram em 2017, devolvendo o que não usaram aos cofres públicos. Os números são do Portal da Transparência.

Dos 17 paraenses, quem mais economizou foi José Priante (MDB), que devolveu R$ 212.971,16. Em segundo lugar, ficou Beto Salame (PP), com R$ 178.943,40.

Em contrapartida, os que mais gastaram foram Eder Mauro e Joaquim Passarinho, ambos do PSD. Eder Mauro devolveu R$ 3,699,38, e Passarinho, R$  4.916,35.

A cota de atividade parlamentar é uma verba destinada ao pagamento de fretes de carro, avião, passagem, telefone, combustível, material de divulgação, etc. Quando o dinheiro disponível ao gabinete do parlamentar não é utilizado, ele é devolvido à Câmara. 

O uso desses recursos é hoje questionado pela sociedade, mas um detalhe, pelo menos no caso do Pará, chama a atenção: quem mais prega austeridade nas contas públicas é quem mais gasta.

Vá entender.... 

Nota do blogue - Veja aqui os números de quem mais economizou, restituindo recursos,  e quem mais gastou, pela ordem de devolução. O levantamento é do Portal da Transparência, da Câmara dos Deputados.


Um comentário:

  1. Carlos, Bom Dia, Seria interessante ser publicado o VALOR TOTAL da verba disponibilizada, a fim de dimensionar o percentual utilizado por Vv. Excelências.

    ResponderExcluir