INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL

Linha de Tiro - 19/04/2018

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

POLÍCIA PROCURA DONO POR MAUS TRATOS CONTRA BURRO, NO BAIRRO DA MARAMBAIA

Com o olho furado e outras marcas de crueldade, o animal foi resgatado


"Tanta criança vítima de abuso sexual e idoso maltratado pela própria família para ser defendido, e lá vem o blogue preocupando-se com um não humano, um burro  vitimizado por seu proprietário".

Um hipócrita, que nada faz por ninguém, nem por si mesmo, pensa dessa forma, esquecido, ou deliberadamente indiferente a isto, que o Ver-o-Fato tem constantemente denunciado violência contra crianças e idosos.

Não se pode silenciar, porém, para os maus tratos, com requintes de crueldade, praticados diariamente pelas ruas do Pará, especialmente em Belém, contra cavalos, burros e éguas, submetidos a uma carga de trabalho abusiva, além de torturas e falta de alimentação por pessoas que vivem da exploração desses animais.


Por exemplo: anteontem, as Polícias Civil e Militar resgataram no bairro da Marambaia, em Belém, um burro que estava bastante lesionado e cego de um dos olhos, além de apresentar ferimentos decorrentes do uso de arreios inadequados e excesso de trabalho. 

Segundo a assessoria da Polícia Civil, a ação foi realizada por policiais da Divisão Especializada em Meio-Ambiente (Dema) e militares do Batalhão de Polícia Ambiental (BPA). 
 
Segundo o delegado Luís Xavier, diretor da Dema, o resgate atendeu denúncia recebida pelo fone 191, o Disque Denúncia.  

Após efetuar o resgate do animal, explica o delegado, o burro foi encaminhado ao projeto Carroceiro, da Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), para receber atendimento clínico veterinário.

"As diligências irão continuar na busca de identificar o dono do animal para vir a responder pelo crime de maus tratos", ressalta o delegado Xavier.


Nenhum comentário:

Postar um comentário