VER-O-FATO: PF PRENDE HOMEM EM BELÉM QUE FORJAVA A PRÓPRIA MORTE PARA ENGANAR O INSS: PREJUÍZO ALCANÇA R$ 3 MILHÕES

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

PF PRENDE HOMEM EM BELÉM QUE FORJAVA A PRÓPRIA MORTE PARA ENGANAR O INSS: PREJUÍZO ALCANÇA R$ 3 MILHÕES

O sujeito forjava a própria morte e tinha outras 50 pessoas, enganando o INSS

Você sabe o que é pseudocídio? Pois se não sabe, é um termo utilizado para a pessoa que forja a própria morte e adquire uma nova identidade. Em Belém, nesta manhã, a Polícia Federal realizou a "Operação Pseudocídio", que cumpriu um mandado de prisão preventiva, outro de condução coercitiva e o último de busca e apreensão.


Segundo a PF, foi constatado que o principal investigado forjou a própria morte com o intuito de obter pensão por morte. Pelo que foi identificado, até o momento, ele utiliza quatro identidades diferentes. Ressalte-se que em 2015, o criminoso já havia sido preso em flagrante pela Polícia Federal também por crime contra a Previdência Social.

Na ocasião, o sujeito acompanhava uma idosa que se passava por pessoa fictícia a fim de tentar obter benefício assistencial ao idoso de forma fraudulenta. Para piorar as coisas, o investigado tem relação com mais de 50 benefícios assistenciais ao idoso com fortes indícios de serem fraudulentos.

Nesse tipo de fraude, as quadrilhas criam pessoas fictícias com mais de 65 anos por meio de falsificação de documentos públicos como RG, CPF, certidões de nascimento com intuito de obter o benefício assistencial.

Se comprovada os fortes indícios de irregularidade nos benefícios citados, o prejuízo estimado aos cofres públicos ultrapassa os 3 milhões de reais, de acordo com a REINP/PA- Representação de Inteligência Previdenciária no Pará (órgão integrante da Força Tarefa).

O investigado preso será ouvido na Superintendência Regional da Polícia Federal no Pará e encaminhado ao presídio, onde ficará à disposição da justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário