sexta-feira, 18 de agosto de 2017

CRIME ORGANIZADO, PARA VARIAR, EXPLODE MAIS UMA AGÊNCIA BANCÁRIA NO PARÁ

Três explosões destruíram os caixas
Sabedores de que, no interior do Pará, o policiamento nos municípios é muito reduzido e com precárias condições para enfrentá-los, assaltantes de banco pintam e bordam, aterrorizando a população. Os alvos são as agências bancárias e postos dos Correios, onde a segurança interna também é deficiente.

Na madrugada desta sexta-feira, por exemplo, mais uma agência bancária foi invadida pelos criminosos, desta vez no município de Pau D’Arco, sudeste do Pará. Por volta das 3h30 da madrugada cinco homens invadiram a agência do Banco Bradesco e usaram explosivos para arrombar os caixas eletrônicos.

Os bandidos atiraram na parto de vidro, entraram na agência, mas não levaram quase nada, pois o caixa estava quase vazio. Na verdade foi uma tentativa frustrada dos assaltantes, porém a população ficou assustada com o barulho dos tiros.

 
De acordo informações da Polícia Civil os homens teriam realizado três explosões para conseguir arrombar os caixas eletrônicos. A polícia ainda não confirmou o pouco valor que teria sido levado pelo grupo. O que chama atenção é que essa modalidade de assalto tem se tornado comum, principalmente no interior do estado. 


Rotina de terror

Na fuga o grupo abandonou um veículo a 12km sentido Rio Maria. De acordo com a polícia o carro foi encontrado sem nenhum combustível. A Polícia faz buscas dos suspeitos no local. Até o momento ninguém foi preso. 

No início de agosto criminosos invadiram a agência do Banco do Brasil em Medicilândia, sudoeste do estado e usaram explosivos para abrir o cofre principal. Eles chegaram a fazer reféns em frente ao local, que foram liberados em seguida. A ação durou cerca de 30 a 40 minutos. Os tiros assustaram os moradores.(Do Ver-o-Fato, com informações do G1 Pará).

Nenhum comentário:

Postar um comentário