domingo, 4 de junho de 2017

UM DIA NA VIDA DA PM ANA MARIA

A policial militar Ana Maria: um gesto digno em meio à corrida diaria contra a violência numa cidade que resiste à desumanização.


Uma guarnição da Polícia Militar do Pará, composta pelos sargentos Luís Carlos, L. Silva, cabo Bruna, e soldadas Ana Maria e Elenise -  narra o radialista Amaury Silveira em sua página no Facebook -, estava de serviço na avenida Presidente Vargas, na manhã deste domingo. 

Em dado momento, o sargento L.Silva abordou um cidadão de atitude suspeita com um recém nascido de uns 20 dias no colo. O sargento mandou o homem  parar e perguntou pela procedência da criança.  Era o pai do bebê.
https://www.facebook.com/radionet.assistencia/
Ele é lavador de carros e a mãe, também. Anteriormente, segundo narrou aos policiais, o casal tinha perdido uma outra criança para o Conselho Tutelar. O bebê que estava com pai chorava muito e a soldado Ana Maria perguntou para o pai se ele deixaria ela amamentar a criança. 

O pai disse que sim. A sargento arranjou um local. Um prédio na Presidente Vargas. Deu tudo certo. "Vale, soldado Ana Maria. Um simples gesto de uma policial militar que nem pensou duas vezes para ajudar a criança. Excelente gesto", comentou Amaury.

Um dia certamente inesquecível na vida de Ana Maria, a militar solidária, cujo lado mãe falou mais alto do que o lado policial. E a fome da criança que ela saciou, pelo menos naquele momento, também será inesquecível para o pai? 

O tempo dirá.

 

Um comentário: