terça-feira, 6 de junho de 2017

JUSTIÇA MILITAR JULGA E CONDENA PMs POR EXTORSÃO MEDIANTE SEQUESTRO


Em julgamento realizado hoje pela manhã, o Conselho Permanente da Justiça Militar paraense condenou três policiais, dois deles a 7 anos de prisão, e outro a 8 anos e seis meses, por crimes de extorsão mediante sequestro. Além da condenação, eles serão expulsos da Polícia Militar.
https://www.facebook.com/radionet.assistencia/
O cabo Wescley Silva Sousa e o soldado Thiago Nascimento da Silva, além do comandante da guarnição, sargento Josué da Cruz e Silva foram os réus condenados. Segundo a denúncia da promotoria militar, no dia 17 de março de 2014, por volta de 10 da 10h, eles estavam de serviço na viatura 2025, em patrulha pela rua da Olaria próximo  à Celso Malcher.
Nesse momento, os PMs resolveram abordar o mototaxista Keyson Rocha Oliveira, suspeitando que ele fosse traficante de drogas. Os militares apreenderam a quantia de 1.800,00 com a vítima e resolveram colocá-la dentro da viatura. Em seguida, passaram a transitar com Oliveira pela cidade durante cerca de 40 minutos. Os PMs exigiram ficar com o dinheiro, ameaçando a vítima de forjar um flagrante.
                       
Depois de se apossar dos R$ 1.800,00, os militares liberaram o rapaz. Oliveira dirigiu-se à corregedoria da PM, que imediatamente interceptou os três militares, encontrando o dinheiro em poder deles. O sargento Josué Silva ainda incorreu em outro crime, pois com ele foi encontrada certa quantidade de cocaína.
                       
Os três foram autuados em flagrante delito e a Justiça Militar acatou a tese do promotor Armando Brasil, de extorsão mediante sequestro e tráfico de drogas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário