VER-O-FATO: EXCLUSIVO: FETRAF RETIROU APOIO A INVASORES DA FAZENDA SANTA LÚCIA AO SABER QUE ELES PARTIRAM PARA A LUTA ARMADA

quinta-feira, 25 de maio de 2017

EXCLUSIVO: FETRAF RETIROU APOIO A INVASORES DA FAZENDA SANTA LÚCIA AO SABER QUE ELES PARTIRAM PARA A LUTA ARMADA


O Ver-o-Fato teve acesso a um documento importante para esclarecer as 10 mortes ocorridas na fazenda Santa Lúcia, em Pau D'Arco, ontem. É da Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar (Fetraf), que apoiava a luta dos agricultores da região pela desapropriação da área. 

No dia 4 de maio passado, após descobrir que havia um grupo numeroso na área invadida que havia optado pela luta armada, a Fetraf informou que iria retirar de pauta a luta da entidade junto ao Incra a favor da desapropriação.


https://www.facebook.com/radionet.assistencia/
Diz a Fetraf: "em decorrência dos episódios de enfrentamento com armas de fogo por parte de alguns elementos que compõem as famílias de acampados da Fazenda Santa Lúcia, no município de Pau D'Arco. Considerando que as orientações por parte da Fetraf, repassadas aos líderes do acampamento, não foram seguidas pelos mesmos e tão pouco pelos acampados.

A coordenação da Fetraf vem através deste manifestar que não estará mais pautando a referida área junto ao Incra, conforme decisão tomada e comunicada aos acampados no dia 26/04/2017 (quarta-feira), conforme decisão tomada em assembleia geral realizada no município de Marabá- PA.

A Fetraf preza pelo diálogo e pelo entendimento mútuo por parte do Incra, proprietário da área e por parte dos trabalhadores.

Jamais apoiaremos a luta armada !

No nosso entendimento os conflitos agrários na região norte do País já houve muitos derramamentos de sangue, e não queremos patuar e tão pouco participar de outros episódios que por ventura possa vier a acontecer.

A Fetraf tem a hora de avançar, tem a hora de dialogar, tem a hora de recuar.

Entendemos que o recuo nesse momento é mais inteligente.

Ressaltamos que comunicamos a DECA – Delegacia Especializada em Conflitos Agrários e o INCRA (SR-27) e o Incra Nacional.

Ressaltamos ainda que comunicaremos a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Pará e o delegado geral da Polícia Civil do Estado.

Coordenação da Fetraf Pará".


6 comentários:

  1. Nada justifica, essa carnificina praticada pela polícia assassina do incompetente, medíocre e cassado governador Jateve.Ate agora apenas um Canal de comunicação vêm tratando a notícia de chacina,o outro grupo de comunicação pago pelo governador fala em confronto.Cade o Ministério Público,para botar esse governador e seu secretário de segurança na cadeia?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Engraçado para bandidos politicos esquerdistas e de direita, ou ainda, para assaltantes, estupradores contumazes e assassinis no trânsito, enquanto não forem julgados tem seu direito de presunção da inocência defendido por ONGs e outros anarquistas que hoje dominam a midia do nosso país. Já para os pais de família, profissionais da segurança pública que todoa os dias arriscam suas vidas por pessoas que sequer conhecem, podendo deixar seus filhos órfãos e esposas viúvas, a eles cabe, por esta siciedade hipócrita e doente pela corrupção, imediato julgamento e condenação como se culpados fossem. Realmente precisamos repensar nossos valores....

      Excluir
  2. Nada vai justificar mais essa chacina de trabalhadores rurais no Pará.E mais uma vez feito pelas mãos do péssimo e medíocre governador jateve.Onde está o MP para botar esse governador corrupto?

    ResponderExcluir
  3. Bando de vagabundo assassinos autorizados pela esquerda do brasil a invadir as terras dos outros matar animais destruir plantacoes na minha opinião tinha que matar mais 20 desses vagabundos Parabéns a PM do pára

    ResponderExcluir
  4. Estranha essa nota da Fetraf: ela não contém assinatura.

    ResponderExcluir
  5. O que se fala é que eles ja tinham atiram em 3 vigilantes e um veio a óbito, tem um vídeo circulando mostrando homem armado fazendo ameaças, se realmente foi assim, se optaram por luta armada, entraram em uma disputa perdida,eles chamara a policia para la, mesmo que matassem esses policiais, tem milhares treinados e preparados para esse tipo de situação, e as armas que os invasores usavam, provavelmente nem mancharia os coletes da policia, sem a menor chance, o resultado inevitavelmente seria esse.

    ResponderExcluir