VER-O-FATO: PAULO ROCHA RECLAMA DO BLOGUE E ANUNCIA: "EM 2018, O PT TERÁ CANDIDATO AO GOVERNO"

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

PAULO ROCHA RECLAMA DO BLOGUE E ANUNCIA: "EM 2018, O PT TERÁ CANDIDATO AO GOVERNO"

Para o senador, o PT teve seus erros, mas "acertou muito mais"

O senador Paulo Rocha (PT), em conversa por telefone com o redator do Ver-o-Fato, faz um protesto veemente e um anúncio importante. Pois vamos primeiro ao protesto. Domingo passado, 19, sob o título " Para não dizer que não falei de algemas, união pelo Pará e outras tapeações", foi publicado um artigo que trata de alianças políticas para a eleição em 2018.

O artigo refere-se  a encontros entre caciques do PSDB e PMDB paraenses, em Brasília, com as bençãos do presidente-tampão, Michel Temer, que hoje, no plano federal, já conta o apoio das duas legendas na sustentação de seu governo. 

No artigo, o trecho que desagradou a Paulo e no qual ele é citado, tem o seguinte teor: "com o PT na lona, o senador Paulo Rocha, hoje colado nos Barbalho por puro oportunismo, ficará à deriva. A menos que sepulte o sonho da reeleição ao Senado e se candidate a deputado federal. Se a farinha é pouca, o melhor é garantir o pirão na frente".

O petista considerou "infeliz " e diz não ser verdadeira a afirmação de que esteja "ligado aos Barbalhos", repudiando ainda a pecha de oportunista. "Minha atuação política sempre foi independente e voltada para a causa dos trabalhadores, por isso repilo a insinuação". E afirmou: "nunca tive nenhuma vinculação com os Barbalho".

O Ver-o-Fato disse que se o casamento entre PSDB e PMDB acontecer, o petista teria que renunciar ao sonho de reeleição ao Senado para candidatar-se a deputado federal, pois a segunda vaga seria de Flexa Ribeiro e a primeira, de Jader. Houve um equívoco de nossa parte, pelo qual pedimos desculpas a Paulo Rocha. 

Afinal, o petista não precisa disputar reeleição nenhuma em 2018, porque o mandato dele de senador só termina em 1º de janeiro de 2023. Até lá, diz Paulo Rocha, "continuarei a defender os interesses do Pará, de seu povo e dos trabalhadores brasileiros".

Sem Barbalho

Por fim, o senador adianta uma revelação que deve surpreender as esquerdas e o próprio PT paraense: em 2018, o partido "não fará aliança" com o PMDB de Jader e Helder. "Nós marcharemos sozinhos, com candidatura própria, firmes, fortes e com chances de vitória", garantiu Paulo Rocha. 

Ele disse estar muito otimista quanto aos novos rumos que o PT irá tomar no país, após ter sido defenestrado do poder pelo "golpe" de Temer, com o apoio do PMDB e na dobradinha com o PSDB. 

"Nosso partido precisa reconhecer seus erros e dizer à sociedade também que houve muitos acertos, porque fizemos muitas coisas boas em favor deste país". resumiu o senador.

5 comentários:

  1. Cascavera,que papo furado do Paulo rocha, ele sabe que o PT no Pará e no Brasil está combalido por tanto eles vem com candidato próprio só pra disfarçar e depois vão comer na mão dos Barbalhos, por q sabem que aqui no Pará não tem nada pra eles, a salvação do PT no pará está nas mãos do Hélder se ganhar para governo, isso é fato é ninguém pode dizer ao contrário, por tanto seu Paulo rocha fale a verdade, em 2018 eu volto para conferir.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poulo Rocha é integro.e têm trabalho.no Pará.e o PT.fez muito pelo Brasil.e este desastre que te.er.com o PSDB.está fazendo no país.prova para os brasileiros.que o PT.é à melhor opção.

      Excluir
    2. Anonimo estamos numa democracia, portanto, se queres fazer crítica (que pode) mostre sua face.


      Excluir
  2. Barbalhos chupam o sangue até os ossos e depois jogam o cadáver fora foi sempre assim eles são o cancêr do nosso estado. Boa Paulo Rocha.

    ResponderExcluir
  3. Carlos borromeu, dizer que a melhor opção é o PT, se foi a relação promiscua entre PT e PMDB que estraçalhou o Brasil, na sua pior crise de todos os tempo, medidas populistas de Dilma que baixou a energia em 2013 só pra ganhar a eleição e agora vamos ficar 8 anos pagando por isso, PT fez muita coisa sim mais na hora que destruiu o Brasil triplicou os prejuízos por tanto se for colocar na balança as besteiras que eles fizeram superaram os benefícios, por tanto ficou um saldo de tudo isso bastante negativo cobriu de ruim todo os benefícios que fizeram, agora vem querer colocar a culpa só no temer e no pmdb, os dois destruíram o Brasil.

    ResponderExcluir