quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

EM VAL-DE-CANS, O ASSALTO NA EMBALAGEM DO ISOPOR


Francisco Sidou - jornalista e escritor
Aviso aos navegantes desavisados: uma empresa terceirizada, que se "instalou" no térreo do aeroporto de Val-de-Cans, está cobrando "módicos" 50 reais para embalar isopores para viagem.

Essa caríssima embalagem se resume a colocar fitas adesivas em torno do dito cujo, que fica todo "engomado" e pronto para embarcar sua carga "em segurança" - esse o mote enganador. Não precisa levar pedras preciosas, não. 

Basta levar açaí, farinha e outros produtos típicos do Pará. Uma pergunta não quer calar: quem autoriza esse verdadeiro assalto ao bolso do consumidor viajante ? 

Outro dia, parente que retornava a Brasília levando açaí e farinha, tudo valendo cerca de 30 reais teve de pagar R$ 50 só pela embalagem. Assim caminham as "ações" de incentivo ao turismo no Pará.

A quem apelar, nobre secretário da Secretaria de Turismo (Setur), Adenauer Góes ? 


2 comentários:

  1. é obrigatorio o pagamento?? se nao for obrigatorio, cada um faz o que bem entende!!

    ResponderExcluir
  2. Receita do Ad Nadaer. Tome uma enjeção de siman col e descanse por uma semana e Mi Ame.

    ResponderExcluir