VER-O-FATO: E AÍ, JÁ ARMAZENOU ÁGUA? O GOVERNO PARIU MATEUS E NÓS QUE VAMOS EMBALAR

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

E AÍ, JÁ ARMAZENOU ÁGUA? O GOVERNO PARIU MATEUS E NÓS QUE VAMOS EMBALAR


É hora de armazenar água para suportar o final de semana, enquanto a Cosanpa se prepara para consertar a tubulação do Utinga quebrada por uma retroescavadeira a serviço da Secretaria de Cultura do Estado (Secult) ainda na véspera do Natal passado.

Aqui em casa passamos a manhã lavando e higienizando a caixa-d'água para armazenar o que pudermos - a capacidade é de 1.000 litros. Nós, consumidores, não tivemos nenhuma responsabilidade pelo acidente no Utinga, mas temos de nos prevenir para não ficar sem água.

Seria duro, aqui no bairro do Marco, ter de recorrer a poços artesianos sabedores que muitos estão contaminados, não apenas no nosso querido bairro, mas em outras áreas de Belém.

Enquanto isso, o governo do Estado continua mudo - ou indiferente - diante da denúncia feita aqui no Ver-o-Fato, sobre a verdadeira causa do transtorno que a partir de amanhã mais de 1 milhão de belemenses irão passar por dois dias, ou mais, sem água na torneira de suas casas.


O professor José Emílio Almeida, presidente da Associação dos Concursados do Pará (Asconpa), deu o "furo" aqui no blog. No bom sentido, é claro. 

No mau sentido estamos nós, os esfolados consumidores, que dia sim, outro também, não temos água em nossas residências, enquanto a Cosanpa se debate na pior crise de sua história. E ainda tem que dar seu jeito para consertar o pepino que a Secult entortou.

Enquanto a Cosanpa se afoga na crise, nós entramos pelo cano. Com perdão do infame trocadilho. 

Fala, Simão Jatene ! Fala, Cosanpa !

Nenhum comentário:

Postar um comentário