VER-O-FATO: PMs DE BOBEIRA TUITAM NO MERCADO DO VER-O-PESO: OLHA A PISTOLA DANDO SOPA !

terça-feira, 8 de novembro de 2016

PMs DE BOBEIRA TUITAM NO MERCADO DO VER-O-PESO: OLHA A PISTOLA DANDO SOPA !


 
A pistola ponto 40 mm, de uso exclusivo militar, é o sonho de consumo da bandidagem que impera em qualquer lugar do país, especialmente no Pará, e mais especialmente ainda em Belém, onde os assaltos acontecem a qualquer hora do dia ou da noite e em qualquer lugar.

"Até aí, morreu o Neves", como dizem os mais antigos (não se sabe quem era, afinal, o tal Neves e mais ainda por qual motivo morreu). De qualquer maneira, quem atua na segurança pública, seja policial civil, federal ou militar, não pode marcar bobeira e dar sopa com sua arma, no caso em tela a pistola ponto 40 mm, a mais cobiçada pelos bandidos novos, maduros ou balzaqueanos.

Pois vejam, na foto acima, feita por um oficial da própria PM, o que aconteceu no Mercado de Carne do Ver-o-Peso, onde a cidade começa e onde acontece de tudo, inclusive assaltos: dois PMs, ainda jovens, num momento de relaxamento, e ponha relaxamento nisso -, entretidos no mundo virtual do Twitter, Zap, Facebook e similiares, onde se fica tão ligado que até esquece o mundo em volta.

Uma atitude sem noção desses dois guardiães da nossa segurança pública, que deveriam estar mais atentos ao serviço. Do jeito que eles aparecem nessas fotos, eles corriam sérios riscos de terem suas pistolas furtadas.

Erro e risco

Policial em serviço não pode cometer uma falha dessas. Ele é diferente do cidadão comum, muitos destes também sem noção, que andam pelas ruas e calçadas da cidade como se estivessem na sala da própria casa. Conversam nas redes sociais, enquanto caminham, ou ficam o tempo todo com o celular colado ao ouvido, batendo longos papos. São as vítimas preferidas dos assaltantes.

Os PMs recebem diariamente recomendação de seus oficiais nos quartéis para não cometer esse tipo de erro. Num vacilo, como o registrado pelas fotos, eles podem perder a arma. Como tem ocorrido, policiais militares tem sido mortos por suas próprias armas, roubadas pelos bandidos. 

Na linguagem dos criminosos, " o desligado dança na manha".

Nenhum comentário:

Postar um comentário