VER-O-FATO: EM MUANÁ, COMPRA DE VOTOS E RESULTADO DA ELEIÇÃO CAUSAM REVOLTA. PREFEITO SE REELEGEU

terça-feira, 4 de outubro de 2016

EM MUANÁ, COMPRA DE VOTOS E RESULTADO DA ELEIÇÃO CAUSAM REVOLTA. PREFEITO SE REELEGEU

A promotora Juliana Palmeira apreendeu dinheiro que seria usado na compra de votos
Murilo, atual prefeito, venceu por 9 votos de diferença:  o MP flagrou crimes eleitorais
Irá, a candidata que surpreendeu, perdeu e acusa o vencedor de corrupção eleitoral

Em Muaná, na região do Marajó, a corrupção eleitoral sentou praça no município e produziu episódios que até Deus duvida. A  compra de votos, acintosa e despudorada, foi tamanha a ponto de provocar revolta de parte da população  pela forma como tudo ocorreu nos dias que antecederam o pleito e durante a madrugada de domingo. 

No resultado final, a diferença foi de apenas 9 votos. E muita gente foi para a frente do Fórum protestar contra o resultado. Há boatos por todos os lados, inclusive de ameaças de morte e suposto atentado ao prefeito Murilo, o vencedor acusado de comprar votos, e a um secretário do governo municipal. 

O atual prefeito,  Sérgio Murilo Guimarães, o "Murilo do Povo", (PR)  foi eleito com 6.675 votos, enquanto a "zebra" da eleição, a candidata da zona rural do município, Maria Iranilda Rodrigues, a "Irá", do PRB, obteve 6.666. 

O rival de Murilo na eleição, na verdade, era o candidato do PMDB, Rogers Cunha, que ficou com 5.802 votos. O engraçado é que PMDB e PSDB, ferrenhos adversários em todo o Estado, pelo menos em Muaná foram aliados e se deram as mãos na campanha para eleger Cunha.

Ocorre que no meio da disputa entre os poderosos e coronéis da política em Muaná, a candidata "Irá" correu por fora, alcançando uma votação surpreendente na zona rural.  

Deu errado

O prefeito Murilo, candidato à reeleição, demorou a perceber o fenômeno eleitoral "Irá", atropelando a ele e o adversário Cunha. A lógica eleitoral que sempre predominou entre os caciques políticos de Muaná é de quem ganha na cidade, ganha também na zona rural. 

Dessa vez, porém, deu tudo errado. Aí, restou apelar para os métodos nada republicanos para mudar o jogo nas urnas a seu favor. Entrou em cena a compra de votos e a corrupção das consciências.

Procurada pelo blog Ver-o-Fato, a promotora eleitoral Juliana Dias Ferreira de Pinho Palmeira, relata que passou dois dias sem dormir, com sua equipe de fiscalização nas ruas, apurando denúncias de compra de votos. Pessoalmente, ela colheu provas dos crimes eleitorais, apreendeu dezenas de cestas básicas e muito dinheiro em espécie. 

"As pessoas ficavam na porta de suas casas, tomando café, durante a madrugada, à espera da chegada do dinheiro", conta Juliana Palmeira, acrescentando que graças a um trabalho incansável foi "coibida a compra de votos" naquilo que pode ser feito, já que o assédio sobre os eleitores foi enorme.

A diferença, no resultado final da apuração, só ficou em 9 votos, mas o objetivo dos corruptores era alcançar cerca de mil votos de diferença. A promotora informou que tanto ela como o juiz eleitoral solicitaram reforço policial para a cidade, devido a revolta dos inconformados com o resultado. 

Sobre o suposto atentado ao prefeito e ao secretário de educação, um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia de polícia. Juliana Palmeira desmentiu o boato de que um advogado ligado ao prefeito teria levado urnas para a casa dele com o objetivo de fraudá-las. "Isto não ocorreu", disse.

"Nunca vi nada igual"

Ela, contudo, flagrou muitas cestas básicas no cais da cidade e numa kombi da prefeitura, que seriam distribuídas à população em troca de votos. Detalhe: o órgão de  promoção social do município criou um programa que nunca funcionou. 

Depois de ter atuado na promotoria eleitoral de Rondon do Pará e Marabá, Juliana Palmeira constata: "nunca vi nesses dois municípios o que vi aqui em Muaná". 

E resumiu: "vou ingressar com ações judiciais, seja de um lado, seja de outro, de tudo que foi apurado aqui e entregar à Justiça Eleitoral. É ela quem vai julgar".

Apesar de várias tentativas, o blog não conseguiu contato com o prefeito reeleito para ele se defender das acusações do MPE.

24 comentários:

  1. Se existir justiça nesse estado, esse safado não senta mais na cadeira da prefeitura de muaná, mesmo com o trabalho incansável dessa promotora, esse safado não se intimidou, e continuou seu trabalho sujo aqui, comprando voto do povo, sem falar nos comparsas dele, Biri Magalhaes, Bruno do Salmista, E Isaque, três empresários que se uniram, pra ajudar esse corrupto se eleger, isso não pode ficar assim, o povo não quer esses canalhas roubando nosso município na cara de pau, queremos justiça....

    ResponderExcluir
  2. Prefeito safado, e sem vergonha, um tremendo de um ladrão corrupto, só eu presenciei inúmeras compras de votos, peço muito a Deus que faça justiça contra esse safado, que até defunto recebe salário aqui, enquanto à população sofre com falta de remédios no hospital, merenda nas escolas, salários atrasados, e muita falcatrua desse ladrão, quero pedir pelo amor de Deus, que o ministério público anule essa eleição....

    ResponderExcluir
  3. Alguém pode colocar ai no texto acima que foi pego uma senhora na Vila de ponta negra comprando votos pra senhora cantora da Iranilda Pimenta.e tem prova disso com foto e tudo.acho que ela esqueceu de falar sobre isso. Ah lembrei ela não iria falar pois ela é coputpa também

    ResponderExcluir
  4. Claramente uma matéria recheada de sensacionalismo, o autor é oposição a atual gestão do município e sensacionalisa a matéria tentando incentivar o leitor a se levar pelos comentários e opiniões pessoais medíocres, é triste ver pessoas que se dizem jornalistas e "democratas" tentarem empurrar seus ideais e opiniões, não sabendo ser imparcial pela, independente de qualquer coisa.
    Quem sou eu? Me chamo Felipe e morei em muana por 17 anos, estou a 7 anos morando em outro estado.

    ResponderExcluir
  5. Ora, o rapaz que faz a postagem como anônimo, mas diz se chamar Felipe, confessando que morou em Muaná há 17 anos e mora há 7 anos em outro estado, parece que está totalmente por fora da realidade do município onde residiu. Mesmo assim, defende o atual prefeito, classificando o material de blog de sensacionalista e recheado de comentários medíocres. Pelo que se depreende, trata-se de um completo desinformado, sobre o blog e sobre as coisas do próprio município onde morou. O blog não é oposição nem situação ao prefeito de Muaná. Publica fatos e os fatos são relatados pela fonte Ministério Público Eleitoral.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse cidadão lá em cima que se identifica como Felipe, deve ser mais um fantasma assalariado, por esse prefeito corrupto, aqui em muaná, talvez o ministério público, nem saiba que tem mais de quinhentos fantasmas de fora, recebendo salário aqui, sem falar nos fantasmas daqui....

      Excluir
  6. Olá, me chamo André, tenho 39 anos de idade, e posso afirmar com toda clareza, que durante toda minha vida, eu nunca vi tanta corrupção em um único prefeito, em toda minha vida..

    ResponderExcluir
  7. Esse prefeito safado só ajudou a família dele,pq a saúde aqui em Muaná tá um caos,a justiça de Deus tarda mas não falha,tenho grande fé em Deus que esse pilantra vai ser cassado.

    ResponderExcluir
  8. É bom ressaltar, que se não tivesse o apoio de dois grandes empresários corruptos, Bruno do Salmista, e Biri Magalhaes, que acabaram se elegendo como vice, e o outro como vereador mais votado, é claro, por causa da fortuna que gastou comprando voto, deveria ser punido por isso também, esse vereador....

    ResponderExcluir
  9. Gostaria que alguém me dissesse alguma obra da gestão passada do Raimundo Cunha que passou oito anos e nada fez.
    Ou gostaria que alguém me dissesse o pq da candidata Irá ter saído do pt? E também que explique o pq que o municipo esta sendo investigado pelo maior fraude da história quem sabe ate do Estado. Que foi o projeto Incra.? Iai alguém responde?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Raimundo Cunha pode até não te feito muita coisa, mas o prefeito atual bateu o recorde, pois não fez nada, até o salário dos ACS, só receberam esse mês porque entraram com uma ação contra ele no Ministério Público, enquanto o projeto do Incra não foi a Irá que trouxe pra Muaná e sim um ex vereador que conseguiu trazer com seus próprios méritos e amizade, projeto que até hoje beneficia muitos ribeirinhos abandonados por nossos representantes

      Excluir
  10. Bandidos que conhecemos e a justiça conhece é os cunhas todos devem a justiça já o Murilo não deve nada é sério com as contas da prefeitura o que voces queriam era mamar mais se fuderam e perdem quantas vezes for e não foi a população revoltada são só os puxas sacos do serrote que fazem uma política medíocre e que enriqueceram a custa do dinheiro público. Hoje o Bruno não presta pra eles mas quando enfiava dinheiro no rabo deles ele prestava.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sou politico, mas infelizmente somos reflexo dela. Moro em Muaná a bastante tempo, diria que mais de dez eleições e tenho autoridade pra fazer um breve histórico da politica muanense, não vou fazer das coisas boas, mas para responder a pergunta de um defensor do prefeito atual. O primeiro na história do município a ser deposto do mandato de prefeito décadas atrás, assumindo a prefeitura a intervenção pública daquela época, foi o Sr. Hermógenes Guimarães ( pai do atual prefeito), motivo este defendido pela família como perseguição do governo militar e por outros como não bom governo.
      O segundo prefeito condenado pela justiça por corrupção na década de oitenta chama-se Raimundo Martins Cunha, tendo que devolver dinheiro aos cofres público e condenado por um bom tempo a não concorrer a cargo politico.
      A terceira a ser condenada e também fincando proibida a concorrer a cargo público, chama-se Hortência dos Santos Guimarães ( também mãe do prefeito atual).
      Em 2005 novamente após cumprir pena e voltar a politica e governar por oito anos Muaná é novamente condenado por corrupção se tornando ficha suja e não podendo concorrer a cargo politico apresentando para candidato a prefeitura seu filho nas eleições de 2016.
      A pergunta que faço só tem essas duas famílias para governa Muaná? Ou o coronelismo ainda não acabou?
      Só ganha eleição em Muaná quem tem dinheiro? Existe justiça nessa cidade?
      Ao que diz que o Murilo não deve nada, será que ele já prestou conta desses quatros anos que estão se passando de seu governo.
      Ao que diz que o Murilo não deve nada é normal aquela folha de pagamento de funcionários fantasma, além salários absurdos de seus protegido?
      Gente na cidade onde as pessoas vivenciam a realidade ele perdeu com uma margem de votos significantes, cabendo o interior e sabe Deus o porquê elegeu ( falam em muito dinheiro na compra de votos). Resumindo foram quase 13 mil eleitores que disseram não ao Murilo que se diz do povo, sendo a melhor opção na visão popular a então candidata Irá Pimenta, esta em sua trajetória politica familiar FICHA LIMPA.

      Excluir
  11. Olá, sou um morador dessa Cidade, que todos conhecem por seu históricos de festivais, vamos lá, não sou político, e nunca dependi de nenhum prefeito aqui, mais como cidadão muanense, não posso deixar de me manifestar, diante dos últimos acontecimentos em nosso município, acontecimento esse, onde põe em risco à saúde da população, a segurança, e um monte de coisa ruim, depois que esse cidadão chamado Murilo Guimaraes, se elegeu prefeito dessa cidade, e agora com a compra discada de votos, conseguiu se reeleger, nunca fez nada aqui, durante três anos, apenas no último ano de mandato antes das eleições, ele resolveu enganar o povo, com algumas obras, de péssima qualidade, mais o pior de todos, é esse hospital, que podemos até chamar de matadouro, porque nada funciona, e nada tem, se eu for falar de todas as desgraças que esse homem trouxe para esse município, ficaria um mês inteirinho aqui contando, mais ele é claro, agradou muita gente sim, Biri Magalhaes e família, Melo Cametá e família, Roberto Roni e família (o Talarico), Marcelo Brito e família, (esse caiu do inferno aqui), Aldair Pimenta e família, Bocão e família, Bruno do Salmista e família (todos milionários) Heider Nunes e família, Leal e família, Márcia Sidónio e família, Marcelo Guimaraes e família (irmão do pinóquio, e Ricardão gosta de mulher dos outros) Claudio Junior e família, e tem muito mais deles espalhados aqui, sem falar, na quantidade de fantasmas recebendo salários na prefeitura, só de fora, parece que são 600.00 fantasmas eu nunca vi nenhum prefeito tão corrupto, em toda minha vida, eu ainda acredito na justiça divina, pois tenho certeza, que o ministério público, não vai deixar esses abutres devorar esse povo tão sofrido ultimamente, pois tenho fé em Deus, que a justiça, vai fazer sua parte...

    ResponderExcluir
  12. Alô ministério público, dá uma olhada na folha de pagamento da prefeitura de muaná, tem muito fantasma lá, e até defunto recebendo salário, sem falar nos vigias, carreteiros, que recebem salários como professor, e é claro, os turistas de fora, que também recebe salário na prefeitura de muaná, alguns nunca vão na cidade, mais recebe também, a farra com o dinheiro público em muaná, tá correndo souta....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. verdade, onde eu trabalho existe fantasmas e eu já encaminhei ao MP, acredito na justiça e ela não deixará impuni esse prefeitinho mentiroso e trambiqueiro.

      Excluir
  13. Não devemos deixar de corrigir que a apreensão das cestas básicas não foi no cais da cidade, mas sim no CRAS, órgão ligado a secretaria de promoção social, a Kombi utilizada também é da mesma secretaria, sem contar que a tal secretaria é comandada pela prima do prefeito, que foi pega em flagrante distribuindo as tais cestas básicas e ficou na cadeia dois dias, saindo mediante pagamento de fiança.

    ResponderExcluir
  14. Tudo isso q estão falando sobre esse corrupto é a mais pura verdade.

    ResponderExcluir
  15. Quem ganha a eleição em Muaná são os eleitores que moram em Belém e votao em Muaná eles náo tão nem aí pra nossa desgraça fazem a merda e vão embora quem sofre e quem mora no município

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eeeeeeeeeeeeeee mmmeesssssssmmmmmmmmmoooooooooo.

      Excluir
  16. Sinceramente, eu não quero acreditar que o ministério público, vá cruzar os braços diante te todas essas manifestações, esses abutres não podem ficar sugando mais esse povo tão sofrido, eu não posso acreditar nisso, pelo amor de Deus ministério público, faça valer a justiça nesse pais...

    ResponderExcluir
  17. Só eu vendo a justiça fazer alguma coisa todos prefeito que vão pra reeleição ganham comprando voto ná política só náo vale perder

    ResponderExcluir
  18. Alow gente o Ministério Público não ficou de braços cruzados não. Olhem no site do Tribunal Superior Eleitoral. Tem lá processo pedindo a cassação do Prefeito reeleito. Agora tá na mão da Justiça. Eiii sindicato bora fazer piquete na frente do Fórum pedindo o julgamento disso.

    ResponderExcluir
  19. iiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!
    Agora a casa caiu! Murilo será Diplomado! a galera se enrolou tudo na acusação.

    ResponderExcluir