VER-O-FATO: GOVERNO JATENE: O 171 DO "PARÁ 2030" (1)

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

GOVERNO JATENE: O 171 DO "PARÁ 2030" (1)

Ismael Moraes – advogado socioambiental



Escreverei uma série de artigos para demonstrar a farsa que o governo Jatene representa à maioria do povo do Pará, e o paraíso na Terra que é em favor das grandes empresas transnacionais que, a troco de sustentar campanhas políticas, enriquecem com nossos recursos naturais, nada pagam de impostos e têm as suas necessidades sustentadas pelo trabalho dos pequenos e médios empresários, profissionais liberais e até dos trabalhadores mais modestos da população. 


Este é o primeiro da série, em que faço um breve perfil do personagem central.


Faz parte da mitomania do governo Jatene – mitologia que ele mesmo insiste em cultivar – atribuir-lhe um perfil de estadista europeu, dedicado a uma política de sustentabilidade ambiental voltada ao fim do bem estar-social.


Para fazer todos crerem nessa pseudologia fantástica, o governo Jatene gasta aos tubos com uma inacreditável conta de propaganda e marketing como se tivesse transformado o Pará numa Califórnia (o estado norte-americano mais rico). Ele criou uma subversão da ideia de Churchill, que na II Guerra Mundial disse proteger a verdade com um exército de mentiras. O governo Jatene protege uma mentira matricial com mais e mais mentiras. Para tanto, distribui benefícios a áulicos e a milhares de aspones DAS em quantidade quase igual ao de um país europeu (de verdade!), como a Alemanha, que funciona (de verdade!).


Jatene disse em artigo publicado na sua página do Facebook: “o povo do Pará sabe como vivi e vivo”. Sabe mesmo, governador Jatene?


Essa mitomania é necessária para viver a sua deplorável condição típica de um ditador de algum miserável país africano (tão de verdade quanto o Pará). Pode-se avaliar o republicanismo de Simão Jatene pelo fato de empregar no Estado, claro, sem concurso público, os filhos e o genro com salários mais altos que de um ministro do Supremo Tribunal Federal; ou ainda de entregar a uma empresa do filho um contrato com o Governo do Estado para fornecimento de combustível que rende uma cifra anual tão milionária que seria escandalosa mesmo em qualquer país rico, mas que é um acintoso tapa na cara quando comparada ao IDH rés do chão da maioria população.


Pelo que está fazendo ao povo do Pará, Jatene demonstra não apenas desconhecer como o povo vive como parece estar pouco se lixando para essa dura realidade, ou a sua compulsão de transfigurá-la já transpôs para uma dimensão patológica.


O Pará está destroçado em prostituição infanto-juvenil, desemprego, devastação ambiental causada por corrupção na SEMAS, desvio de dinheiro público e violência explodindo em homicídios corriqueiros.


Mas, com tudo isso, quando se olha no espelho d´água em alguma pescaria, o governador Simão Jatene não vê um Idi Amim Dada, de Uganda, ou um José Eduardo dos Santos, de Angola: a mitomania deve fazê-lo enxergar um monumento da social-democracia, como o ex-presidente norte-americano Jimmy Carter ou ex-primeiro-ministro alemão Willy Brandt.


Enquanto o governador Simão Jatene estiver caçando seus Pokemon Go de 2030, falaremos aqui da dura realidade que é o 171 do seu governo.

11 comentários:

  1. o governador ganhou o terceiro mandato e nada faz pelo estado e ainda vem com papo furado conversa de pescador, parabéns dr. Ismael Moraes por sua coragem de mostrar as farsas desse governo.

    ResponderExcluir
  2. Pô, demoliu o careca que gosta de se exibir como mais honesto de todos

    ResponderExcluir
  3. O nobre causídico acusa mas deveria apresentar provas de corrupção no atual governo e nas SEMAS.

    ResponderExcluir
  4. Anônimo, as provas pululam nos autos da ação civil pública (Processo nº 0023746-75.2015.8.14.0301, 2ª vara de fazenda. Existe fraude para o gosto de qualquer freguês. O Estado pode ser multado em 40 milhões pela arte do pessoal da SEMAS e do Governo....

    ResponderExcluir
  5. Desculpe, esqueci de referir ainda o processo de Licenciamento da Bunge nº 25361/2013 - SEMAS de interesse da Bunge Alimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corrupação sistêmica da SEMAS estamos carecas de saber há tempos. Desde a longíqua era SECTAM. No aguardo das indagações sobre a correlação concreta desse fato com o Pará 2030. Até agora só li ataques subjetivos.

      Excluir
  6. O blog do sr. demonstra clara inclinação petista em seu inconformismo com o governo progressista do PSDB em nosso Estado. Simão Jatene resgatou o Pará das mãos de Ana Júlia e seu bando de petralhas.

    ResponderExcluir
  7. O anônimo das 09:06 ou não lê ou não quer ler outras informações deste blog. Se o fizesse veria - até ontem, por exemplo -, matérias sobre a Lava-Jato em que petistas e aliados aparecem como réus. A indignação seletiva contra o blog e a paixão do anônimo pelos tucanos talvez não permitam que ele veja o blog com os olhos da isenção. Isto, na verdade, também ocorre com certos petistas. E tem nome: chama-se imunização cognitiva. Oportunamente mostrarei no blog o que isto significa.

    ResponderExcluir
  8. Dr caça-fantasma, ou, Ismael, a gente, por mais que queira não entende muito bem dessa linguagem advogues, que na maioria das vezes serve só para receber palmas de iguais insanos e encher o peito de muitos blogueiros... Mas não é de tudo maléfico,senão não estaríamos lendo agora essas escabrosas noticias.
    De repente me vi no inferno tão longe do céu - resto do Brasil riquíssimo, onde não há corruptos, onde não há pobreza, enfim, o Pará está sob um governo desastrado...
    Então, explique dr caça-fantasma como foi que o Jatene, o pior governo que já se viu, tem equilibrado as contas do governo, que milagre ele faz pra pagar em dia o funcionalismo público? Só pra começar... Também, não me venha com esse papo de achar que nosso Estado e nossa Belém, estão em estado lastimável por causa do Jatene, Zenaldo ou do PSDB...
    E não me venha com essa conversa de que só o Pará está no fundo do poço.

    ResponderExcluir
  9. Anônimo das 14:06, apesar de você se esconder na covardia do anonimato,responder-lhe-ei (apesar da mesóclise, esclareço que não sou simpatizante do Termer) perguntando-lhe se o fato de as mesmas coisas ocorrerem no resto do país (e lhe garanto que não correm, por conta das especificidades do Pará, que é mais rico que quase todo os outros Estados em recursos naturais, pois bem, se o fato de as mesmas coisas ocorreram nos resto do país justifica e legitima o Governo-Caça- Pokemon-2030?

    ResponderExcluir
  10. Dito e feito! És um desses ptralhas deslavado...

    ResponderExcluir