VER-O-FATO: PF PEGA LADRÕES QUE DESVIAVAM RECURSOS DA EDUCAÇÃO NO PARÁ

terça-feira, 24 de maio de 2016

PF PEGA LADRÕES QUE DESVIAVAM RECURSOS DA EDUCAÇÃO NO PARÁ

A PF amanheceu na secretaria de Educação de Vitória do Xingu. Outras prefeituras no rolo
⁠⁠⁠⁠⁠ 
A Polícia Federal, em ação conjunta com a Controladoria Geral da União (CGU), a Receita Federal (RF) e o Ministério Público Federal (MPF), deflagrou na manhã de hoje a Operação Lessons, com o objetivo de desarticular esquema de desvio de dinheiro público em empresa fornecedora de materiais didáticos para prefeituras municipais do Pará. O grupo desviava recursos públicos que deveriam ter sido utilizados na educação básica com verbas oriundas do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica.

Estão sendo cumpridos 15 mandados de busca e apreensão, 3 mandados de prisão preventiva, 3 mandados de prisão temporária e 8 conduções coercitivas nas cidades de Belém/PA, Marituba/PA, Tomé-Açu/PA, Acará/PA, Inhangapi/PA e Vitória do Xingu/PA.

As investigações se iniciaram em 2016 e revelaram que a empresa foi constituída com o único objetivo de contratar com entes públicos, por meio de inexigibilidades de licitações e licitações fraudulentas, com preços superfaturados, além de não prestar apenas parcialmente os serviços contratados.

Os livros fornecidos pela empresa aos entes públicos são de autoria do próprio sócio administrador da empresa, caracterizando-se como fornecedor exclusivo. Para tanto, as licitações foram direcionadas para favorecer a contratação da empresa. O material didático é composto por 3 livros inglês e 3 dvd’s, os quais eram vendidos ao preço unitário de R$ 1,8 mil para as prefeituras.

Os presos serão indiciados de acordo com o grau de participação pelos crimes de associação criminosa, frustrar o caráter competitivo do procedimento licitatório, peculato, corrupção passiva e tráfico de influência. Participam da operação 70 policiais Federais, 17 auditores da Controladoria Geral da União e 08 auditores da receita federal.

O nome da operação é uma alusão ao material fornecido pela empresa.

2 comentários:

  1. A estratégia tem a capilaridade do sangue mau, se espalhou por todo organismo e se encontra em estado de infecção letal... Se gritar pega lularápio não fica ninguém.

    ResponderExcluir
  2. como um comunicador com a voz, a vez e o carisma de um publico fiel com a maior audiência da comunicação radiofônico do estado do nonato pereira deixou-se seduzir pelo q mais ele combatia? será que repete o fenômeno de um radialista na ficção da teledramaturgia que dizia " MENINOS EU VI!! " para que na verdade suas falcatruas ficassem a léguas das atenções do publico. Lembrando q julgamos para nossa própria condenação, em tempos de mudança neste país o comum é sempre se dar bem nas costas do povo, a bastilha continua de pé, a cortina de bambú, de ferro, o muro de berlim, e a muralha da china, estão erguidas em nossa nação, deixaram de existir nas suas origens para serem sincretizados em uma terra em que se plantando tudo dá.

    ResponderExcluir