VER-O-FATO: ALÔ, URGENTE: GREVE DE ÔNIBUS, A PARTIR DA MEIA-NOITE, EM BELÉM. O POVO É SÓ UM DETALHE

segunda-feira, 23 de maio de 2016

ALÔ, URGENTE: GREVE DE ÔNIBUS, A PARTIR DA MEIA-NOITE, EM BELÉM. O POVO É SÓ UM DETALHE

O povão sustenta um sistema falido de transporte e paga a conta mesmo sem ônibus

Greve é direito legítimo do trabalhador. E quando o serviço é essencial, como o transporte público, quem paga o pato com a paralisação é o povo.


Os rodoviários de Belém e região metropolitana decidiram que, além de 15% de reajuste salarial, querem melhores condições de trabalho e outros benefícios que alegam não receber dos patrões.


Os donos de ônibus, por outro lado, estão doidos para que a greve aconteça. Assim, o prefeito Zenaldo Coutinho decretaria um aumento na tarifa - mais um golpe contra a população - e os ônibus voltariam a circular. Foi assim ano retrasado e será assim, sempre.


E a legislação trabalhista, que manda manter pelo menos um quarto da frota de ônibus em circulação? Ah, bobagem, nada que o peleguismo sindical não derrube com um pontapé.


Pobre usuário de ônibus de Belém. E dá-lhe, viação canela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário