VER-O-FATO: ALICIADOR DE MENORES VENDIA SONHOS NO FUTEBOL PARA MENINOS DO PARÁ

quarta-feira, 30 de março de 2016

ALICIADOR DE MENORES VENDIA SONHOS NO FUTEBOL PARA MENINOS DO PARÁ

Ronildo levava os garotos de Breu Branco para São Paulo, com promessas mirabolantes 
Em poder de Ronildo, a polícia encontrou fotos de clubes de futebol

Um homem que aliciou 11 crianças no estado do Pará e levou para São Paulo, com promessa de torná-los jogadores de futebol está preso desde terça-feira.  Ele é acusado de maus tratos contra os meninos, e prometia inseri-los em grandes times de futebol. Segundo as investigações, os 11 meninos foram convencidos pelo suspeito a deixar a cidade de Breu Branco, no sudeste do Pará, com a promessa de uma carreira promissora. 

O olheiro preso é Ronildo Borges de Souza, de 43 anos. Ele cobrou mil reais de cada um dos garotos.  Preso através de uma denúncia anônima, o suspeito afirmou ser inocente. Mas de acordo com os pais dos garotos, para convencê-los a liberar os meninos Ronildo mostrava fotos e dizia ser amigo de jogadores, técnicos e empresários famosos. Após 2 meses, os garotos não fizeram nenhum teste.

Segundo o delegado Pedro Luis de Sousa, os pais apostaram nos sonhos dos filhos sem saber de nada. As vítimas ficaram amontoados em uma casa. Os 11 dormiam no mesmo quarto sem conforto algum. Na parede havia uma lista de obrigações, e quem não fazia apanhava. Um dos garotos revelou à polícia que todos sentiam muito medo, especialmente porque Ronildo fazia “coisas estranhas” com os garotos menores.

Eles eram proibidos de sair de casa sem a presença de Ronildo. Dois garotos disseram ter sido vítimas de abuso sexual. Sobre todas as acusações ele diz ser inocente. Quatro jovens são maiores de idade e sete menores. Estes foram encaminhados ao Conselho Tutelar para providências. Fonte: SBT

Nenhum comentário:

Postar um comentário