VER-O-FATO: Paralisação de jornalistas será remarcada

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Paralisação de jornalistas será remarcada

Não ocorreu hoje e nem ocorrerá amanhã, como inicialmente estava prevista, a paralisação de 48 horas dos jornalistas de "O Liberal" e "Amazônia", que reclamam pagamento de horas-extras e melhores condições de trabalho, além de outras reivindicações.

Os responsáveis  pela mobilização informam que a direção das ORM cumpriu apenas parte das homologações de rescisões contratuais de jornalistas demitidos em abril do jornal "Amazônia". Das oito demissões, as ORM, até agora, pagaram apenas duas.

As outras seis continuam pendentes, o que traz graves prejuízos aos jornalistas demitidos, que além de perderem seus empregos não receberam o que as ORM lhes deve. A paralisação de 48 horas deve acontecer, mas ainda não foi fixada a nova data.



Nenhum comentário:

Postar um comentário