VER-O-FATO

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Helder no gabinete de Sérgio Moro: governador posta no twitter e recebe resposta do advogado Ismael Moraes sobre matéria do Ver-o-Fato

A matéria do Ver-o-Fato, postada esta tarde, mostrando a estreita vinculação política entre o novo presidente da Alepa, o deputado dr. Daniel e o vereador-traficante "Gordo do Aurá", repercute no gabinete do ministro da Justiça, Sérgio Moro, onde se encontrava o governador Helder Barbalho, durante audiência em que Helder solicitava o envio de 500 homens da Força Nacional de Segurança ao Pará com o objetivo de combater as forças do crime organizado.

Dr. Daniel, novo presidente da Alepa, e "Gordo do Aurá": a parceria política que deu certo e colhe bons frutos

 
Dr. Daniel e "Gordo do Aurá": parceiros eleitorais


O vereador Deivite Wener Araújo Galvão, conhecido por "Gordo do Aurá", é uma figura controvertida. Traficante de drogas em Ananindeua, onde é conhecido por tocar o terror entre os viciados que fazem a cabeça e não pagam, ele também é um político muito querido e adotado por cardeais do PSDB e, agora – pasme quem quiser – também pelo MDB. “Gordo do Aurá” anda nas nuvens, nos últimos tempos, pois seu nome, ou melhor, apelido, adoça a boca de políticos do alto escalão, inclusive do governo de Helder Barbalho, como já ocorreu no do tucano, Simão Jatene.

Pagou e não tem luz: Celpa diz que mudou. Pra pior

Realmente, a Celpa usa e abusa do seu direito de fazer o que bem entende no Pará. Tudo sob as barbas omissas do Ministério Público, que nada faz, e da tal de Arcon, agência reguladora que regula coisa nenhuma. A vítima, agora, é a senhora Maria Raimunda Ribeiro de Amaral, residente no Distrito Industrial, em Ananindeua.

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Bolsonaro assina decreto que facilita posse de arma de fogo

Bolsonaro,  ao assinar o decreto: "cidadão de bem terá paz dentro de casa
O presidente Jair Bolsonaro (PSL) assinou nesta terça-feira, 15, decreto que altera regras para facilitar a posse de armas de fogo, ou seja, a possibilidade de o cidadão guardar o equipamento em sua residência ou estabelecimento comercial. É a primeira medida do presidente em relação ao compromisso de campanha de flexibilizar o acesso da população em geral às armas. Bolsonaro já afirmou que futuramente flexibilizará também o porte, isto é, a possibilidade de deslocamento da arma.

Celpa cobra contas absurdas, aterroriza Vila do Beja e faz vítimas pedirem socorro a Sérgio Moro




Um vídeo entregue ao Ver-o-Fato revela a que ponto chegaram as cobranças abusivas feitas pela Celpa de suposto consumo de energia elétrica de consumidores. Analfabeta, trabalhadora da roça, que não ganha sequer o salário mínimo, com oito filhos e passando necessidades, a mulher é cobrada pela Celpa e obrigada a pagar, sob ameaça de prisão, R$ 4, 7 mil. Outra consumidora, que faz serviços gerais, também está na mesma situação, acusada de “fazer gato”. A terceira – aos prantos no vídeo acima -, não sabe o que fazer para pagar R$ 24 mil. 

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Cientista que ajudou a descobrir DNA perde honrarias após dizer que 'raça e inteligência estão conectadas'

Imbecilidade científica de Watson: "brancos mais inteligentes que negros"


Um dos maiores laboratórios de Nova York, nos EUA, cortou relações com um cientista americano que ajudou a descobrir o DNA — e por isso venceu o Prêmio Nobel —, James Watson, de 90 anos, após comentários racistas. Em um documentário recém-divulgado pela emissora americana PBS, ele afirmou que "raça e inteligência estão conectadas".

A desapropriação do Hospital Geral de Paragominas: governo Jatene é caso de polícia

Ismael Moraes – advogado socioambiental *

No dia 18/12/2018, o então governador Simão Jatene baixou o Decreto Estadual nº 2.304 declarando de utilidade pública para fins de desapropriação o Hospital Geral de Paragominas. A Procuradoria Geral do Estado (PGE) argumenta que há “urgência na imissão na posse” de referido bem, na ação proposta no dia seguinte à publicação do Decreto.